Primeira morte por gripe A é confirmada em Caxias - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

H1N109/07/2018 | 09h45Atualizada em 09/07/2018 | 10h42

Primeira morte por gripe A é confirmada em Caxias

Paciente morreu na madrugada de domingo no Hospital Pompéia

Primeira morte por gripe A é confirmada em Caxias Rafaela Martins/Agencia RBS
Foto: Rafaela Martins / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

O Hospital Pompéia confirmou a primeira morte em decorrência de agravamento do vírus H1N1 em Caxias do Sul. Após complicação do quadro respiratório, a professora universitária Fabiane Ferreira, 48 anos, morreu na madrugada do último domingo. Ela estava internada no hospital desde o dia 8 de junho. 

Leia mais
Caxias do Sul registra oito casos de vítimas de gripe A 
Gramado registra primeira morte por gripe na Serra em 2018

Segundo informativo da instituição de saúde, a vítima faleceu em razão de pneumonia severa após ser diagnosticada com o vírus da gripe.

Essa foi a quarta morte confirmada na região, porém, a primeira de um morador de Caxias. As três anteriores ocorreram nos municípios de Gramado, Canela e Flores da Cunha (já em julho).

Conforme o último relatório, até 30 de junho, 16 casos de gripe A foram diagnosticados em sete municípios da região. 

Caxias contabiliza oito casos de gripe A desde o início do ano. Além da cepa H1N1, outra ramificação do vírus, o H3N2, também apareceu por aqui, mas em menor escala: são dois casos confirmados pela Secretaria Municipal de Saúde. 

A Secretaria Municipal da Saúde, por meio da assessoria de imprensa, informou que foi notificada pelo Hospital Pompéia sobre o caso no dia 11 de junho. A confirmação que se tratava de gripe A veio no dia 14.

REDOBRE OS CUIDADOS

:: Higienizar as mãos com frequência.
:: Utilizar lenço descartável para higiene nasal.
:: Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir.
:: Higienizar as mãos após tossir ou espirrar.
:: Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca.
:: Não partilhar alimentos, copos, toalhas e objetos de uso pessoal.
:: Evitar aperto de mãos, abraços e beijo social.
:: Reduzir contatos sociais desnecessários e evitar, dentro do possível, ambientes com aglomeração.
:: Evitar visitas a hospitais.
:: Ventilar os ambientes.

Leia também
Prefeitura de Caxias projeta mutirão para reduzir fila para consultas com especialistas
Polícia suspeita que mesmo autor tenha cometido dois homicídios no bairro Jardelino Ramos, em Caxias

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros