Prefeitura de Caxias muda de ideia e vai alterar funcionamento também no dia 22 devido à Copa - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Mudança de horário13/06/2018 | 13h32Atualizada em 13/06/2018 | 13h32

Prefeitura de Caxias muda de ideia e vai alterar funcionamento também no dia 22 devido à Copa

Inicialmente, horário especial seria adotado apenas no dia 27

Prefeitura de Caxias muda de ideia e vai alterar funcionamento também no dia 22 devido à Copa Lucas Figueiredo/CBF/Divulgação
Partidas serão pela manhã e à tarde Foto: Lucas Figueiredo / CBF/Divulgação

A prefeitura de Caxias do Sul mudou de ideia e vai alterar o horário dos serviços públicos durante dois dos três jogos do Brasil na primeira fase da Copa do Mundo. Inicialmente, as mudanças ocorreriam apenas no dia 27.

Com as alterações, o horário externo de atendimento dos serviços públicos será das 11h30min às 17h30min no dia 22, quando o Brasil joga às 9h contra a Costa Rica. Já no dia 27, o atendimento será das 8h30min às 14h30min por causa do jogo do Brasil contra a Sérvia, às 15h.

De acordo com a Secretária de Recursos Humanos e Logística, Vangelisa Lorandi, o município avaliou que a demanda por serviços é baixa durante as partidas. Por isso, é melhor alterar o horário para realizar os atendimentos nos períodos em que as pessoas estarão disponíveis. Os serviços essenciais não serão afetados. Caso o Brasil avance na competição, novas alterações serão realizadas.

Em Farroupilha, os serviços públicos vão funcionar das 8h às 14h, quando os jogos começarem às 15h, e das 12h às 18h, quando os jogos começarem às 9h. A exceção são as escolas, que terão funcionamento normal. 

Em Nova Petrópolis, o atendimento será das 11h30min às 17h30min no dia 22 de junho e, no dia 27, os serviços funcionam das 7h30min às 13h30min.

Na rede estadual de todo o Rio Grande do Sul, não haverá aulas nos turnos de jogos da Copa do Mundo.

Leia também
Mais um ruído entre prefeitura de Caxias do Sul e Câmara de Vereadores
UAB calcula mais de 10 assinaturas para instalar CPI contra prefeito de Caxias do Sul
Justiça condena planos de saúde a devolver valor extra cobrado por partos

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros