Catedral Diocesana de Caxias recebe nova pintura - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Revitalização20/06/2018 | 11h56Atualizada em 20/06/2018 | 11h57

Catedral Diocesana de Caxias recebe nova pintura

Templo está recebendo pequenos reparos no reboco e cobertura de tinta

Catedral Diocesana de Caxias recebe nova pintura Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

Quem passou pelas imediações da Praça Dante Alighieri, no centro de Caxias, nos últimos dias, deve ter percebido a gigantesca armação de andaimes em frente à Catedral Diocesana. É que, depois de 10 anos desde a última pintura, a fachada da igreja, de estilo neogótico, está sendo revitalizada.

Segundo o padre Oscar Chemello, pároco da Catedral, essa é uma sequência do trabalho que começou pelo campanário, ainda em fevereiro, e deve contemplar toda a parte externa do templo. Aos fiéis, o sacerdote avisa: não haverá nenhuma surpresa na coloração. A tinta seguirá nos mesmos tons costumeiros aos olhos da população e em harmonia entre a torre de 40 metros que abriga o sino e o prédio do bispado, que fica ao lado e que não será pintado neste momento.

A empresa responsável pela pintura é a GCC Garibaldi, de Caxias. Além da cobertura de tinta, estão incluídos pequenos reparos no reboco, desgastado pela ação do tempo. Segundo padre Oscar, os recursos são próprios da paróquia. Parte foi angariada com um bazar de Natal, realizado em dezembro do ano passado. A estimativa é que, entre a tinta (que é adquirida separadamente pela administração da paróquia) e a execução do serviço (feita pela empreiteira), o investimento fique em torno de R$ 150 mil. Ao final do trabalho, previsto para setembro, haverá uma prestação de contas à comunidade.

– É a conservação de um prédio que tem mais de cem anos. Que, praticamente, nasceu junto com a cidade de Caxias. Queremos deixar o templo bonito, acolhedor para as pessoas, para que possam ver, católicos ou não, que a parte histórica da cidade é conservada. Esta é a igreja mãe de todas as paróquias da diocese – declarou o pároco.

A revitalização não deve se encerrar com a pintura. A paróquia já trabalha em um novo projeto que tratará da iluminação externa da Catedral. Para isso, foi contratada uma profissional de São Paulo. Questionado sobre o que a comunidade pode esperar em termos de holofotes e cores, padre Oscar mantém certo mistério e se limita a dizer que "será uma iluminação neutra", discreta. Ou seja, nada de lâmpadas com cores muito vibrantes como o bordô característico de Caxias do Sul. 

Além disso, para o próximo ano, deve ser concluída a iluminação interna do templo, que reforçou a parte do presbitério (onde fica o altar) e deixou mais em meia luz a parte dos bancos, dando ar de teatro ao ambiente interior. A fase final deve ser a iluminação dos nichos dos altares laterais. Ambos os projetos dependerão de obtenção de recursos que poderão vir de novos eventos ou da comunidade por meio de doações.

Leia também:
Caxias do Sul celebra 128 anos acolhendo estrangeiros
Patrono da 22ª Feira do Livro de Gramado, Leonid Streliaev quer alavancar o turismo cultural

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros