Campanha de vacinação contra a gripe é prorrogada até dia 15 em Caxias - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Imunização30/05/2018 | 11h34Atualizada em 30/05/2018 | 13h09

Campanha de vacinação contra a gripe é prorrogada até dia 15 em Caxias

Na cidade, apenas 67% do público-alvo recebeu doses da imunização

Campanha de vacinação contra a gripe é prorrogada até dia 15 em Caxias Marco Favero/Agencia RBS
Foto: Marco Favero / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

A 20ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza prevista para encerrar amanhã, foi prorrogada até dia 15 de junho em Caxias do Sul. O prazo foi estendido em todo o país principalmente em decorrência da greve dos caminhoneiros, que restringiu o transporte de remessas das doses para alguns municípios e dificultou a locomoção da população às unidades básicas de saúde (UBSs). 

Segundo estimativa da Secretaria Municipal da Saúde de Caxias, o boletim mais recente apontou que 77,4 mil doses já haviam sido aplicadas na cidade, ou seja, apenas 67% da meta de imunização dos grupos prioritários foi atingida até o momento. O mínimo pretendido é de 90% (115 mil pessoas)

Por mais 15 dias, portanto, pessoas com mais de 60 anos, crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, puérperas, trabalhadores da saúde, povos indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e professores.

— Não tivemos problemas com falta de doses (em Caxias) em decorrência da greve. Apenas fizemos alguns remanejos de uma UBS a outra, mas o serviço não foi comprometido. Geralmente a campanha já é prorrogada e esse ano tivemos situações excepcionais — comenta a diretora da Vigilância em Saúde, Maria Ignez Bertelli.

Ela reitera a importância de crianças e gestantes serem imunizadas:

— Gestantes e crianças são a prioridade máxima e são os grupos que estão mais distantes de atingir a meta. Temos que reforçar que a gestante estará imunizando não só ela como também o bebê nos primeiros seis meses de vida. E as crianças também são importantes por serem as maiores portadoras do vírus e frequentarem ambientes como escolinhas e creches — ressalta.

Após esse período, a campanha deve ser estendida para outros grupos prioritários — crianças de cinco a nove anos e adultos com idades entre 50 e 59 anos — antes de ser aberta para toda a população. 

As reações em decorrência da imunização são, normalmente, leves, como dor no local da aplicação. A vacina é contraindicada para pessoas com histórico de reação anafilática em doses anteriores, bem como a qualquer componente da vacina, ou alergia grave relacionada ao ovo de galinha. 

Conforme o Ministério da Saúde, a campanha já imunizou 35,6 milhões de pessoas em todo o país, o equivalente a 66% do público-alvo. A meta é aplicar a vacina em 54,4 milhões de brasileiros até o fim da campanha.

Foto:

Leia também:
Restaurante popular de Caxias reabre nesta quarta-feira
Depois de confusões envolvendo manifestantes Brigada Militar reforça efetivo em Caxias
Defesa à intervenção militar é "bombardeada" na Câmara de Vereadores, em Caxias


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros