Prefeitura de Bento Gonçalves convoca 50 novos educadores para a rede municipal - Geral - Pioneiro
 

Novos professores14/03/2018 | 11h47Atualizada em 14/03/2018 | 13h26

Prefeitura de Bento Gonçalves convoca 50 novos educadores para a rede municipal

Novo concurso público deve ocorrer ainda em 2018

Prefeitura de Bento Gonçalves convoca 50 novos educadores para a rede municipal Carlos Macedo/Agência RBS
Os convocados foram aprovados no concurso de 2017 Foto: Carlos Macedo / Agência RBS

A Secretaria Municipal de Educação (SMED) de Bento Gonçalves convocou 50 educadores infantis que foram aprovados no processo seletivo de 2017. São 15 convocados para o cargo de auxiliar de educador infantil e 35 para professor dos anos iniciais, que atende do 1º ao 5º ano do ensino fundamental. Os contratos serão temporários com duração de 10 meses, podendo ser prorrogados por mais 10 meses. 

Um grupo iniciou os trabalhos nesta quarta-feira (14) na rede municipal, enquanto os demais devem estar em sala da aula até segunda-feira (19). Segundo a SMED, os convocados passam por exames médicos. 

Com o chamado dos profissionais, Bento Gonçalves completa o quadro de educadores na rede municipal. A prefeitura já busca uma empresa para um novo concurso público ainda em 2018.

O município atende a 85% da demanda de crianças de zero a três anos na educação infantil.  São 400 crianças na lista de espera. No final de 2017, esse número era de 572 crianças. 

Para crianças de 4 a 5 anos, que frequentam a pré-escola, o atendimento é de 100% da demanda. 

Segundo a secretária Iraci Luchese Vasques,  duas novas escolas de educação infantil serão inauguradas no próximo semestre. Uma ficará no Loteamento Santa Fé e outra no Loteamento Bertolini. Cada uma terá capacidade de atender a 120 crianças.

— Nas duas unidades, estamos com cerca de 85% das obras concluídas. Já estamos com o mobiliário comprados com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e na fase de cercamento do local. Infelizmente, tivemos uma demora no cronograma devido às verbas do Governo Federal que demoraram a chegar. Nosso desafio é diminuir ainda mais esse déficit que hoje já está bem baixo na cidade — diz.  

A secretária explica ainda que existe a possibilidade de comprar 90 novas vagas em escolas de educação infantil. Hoje, são 410 crianças atendidas em creches particulares com contrato com a prefeitura.

Leia também
Em alerta 24 horas: todos à procura da menina desaparecida em Caxias
Famílias atingidas por tornado em São Francisco de Paula lutam para superar perdas

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros