Casa onde morava autor confesso de estuprar e matar Naiara é demolida em Caxias do Sul - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Nesta sexta23/03/2018 | 16h31Atualizada em 23/03/2018 | 18h02

Casa onde morava autor confesso de estuprar e matar Naiara é demolida em Caxias do Sul

Residência ficava no bairro Serrano

Casa onde morava autor confesso de estuprar e matar Naiara é demolida em Caxias do Sul Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

 A casa onde morava o autor confesso do estupro e morte de Naiara Soares Gomes, sete anos, em Caxias, foi demolida no início da tarde desta sexta-feira. A residência ficava no bairro Serrano e havia sido alugada pelo homem preso pelo crime e pela esposa dele. Ela não tem relação com o assassinato de Naiara. 

A iniciativa de demolir partiu dos donos do imóvel, que haviam alugado a casa para o investigado há cerca de seis meses. Desde que o homem foi preso, circulam ameaças em redes sociais para incendiar o imóvel. 

— Estavam ameaçando botar fogo e ficamos com medo, nossas filhas moram nas casas ao lado. Além do mais ninguém ia querer alugar a casa agora  e a gente também não queria mais olhar para ela —, explicou a proprietária do imóvel. 

 Leia mais
Corpo da menina desaparecida em Caxias do Sul é encontrado
Vídeo: O que mostram as câmeras do caminho onde menina desapareceu em Caxias
"Fazemos as buscas no mato esperando não encontrá-la", afirma prima de menina desaparecida em Caxias
Confira sete dificuldades da investigação sobre menina desaparecida em Caxias do Sul
Esclareça cinco mitos sobre o desaparecimento de menina em Caxias do Sul
Entenda por que a polícia não divulga o nome do suspeito de ter matado menina em Caxias do Sul
Conheça os principais pontos de Caxias que foram cenário do crime contra Naiara 
Vizinhos de suspeito de estuprar e matar menina em Caxias temem que revolta popular atinja comunidade  

A demolição começou por volta das 15h e é feita por uma máquina. Móveis e outros artigos do interior da casa foram retirados na tarde da quinta-feira.

A moradia também serviu de cenário para outro crime: de acordo com as investigações, o homem também estuprou ali uma menina de nove anos em outubro do ano passado, após raptá-la a poucos metros do colégio. 

Segundo a Polícia Civil, não havia impedimento para a demolição. A casa foi periciada no mesmo dia da prisão do autor confesso.

Naiara desapareceu quando caminhava em direção à Escola Municipal Renato João Cesa, onde estudava. O sumiço ocorreu a cerca de um quilômetro da instituição, na Rua Júlio Calegari, perto da Rua Mozart Perpétuo Monteiro, no bairro Esplanada, no começo da manhã do dia 9 deste mês. 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros