Samae fará cercamento de áreas e imóveis em bacias de captação de Caxias do Sul - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Demarcação e proteção10/01/2018 | 12h34Atualizada em 10/01/2018 | 12h34

Samae fará cercamento de áreas e imóveis em bacias de captação de Caxias do Sul

Equipes da autarquia não têm conseguido resolver problemas de depredação, furto ou danos por fenômenos naturais

Samae fará cercamento de áreas e imóveis em bacias de captação de Caxias do Sul Porthus Junior/ Agência RBS/
Barragem do Sistema Faxinal, em Caxias do Sul Foto: Porthus Junior/ Agência RBS

O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Caxias do Sul irá cercar áreas e imóveis da autarquia que ficam em bacias de captação. O trabalho será realizado por uma empresa contratada via licitação, cujas propostas serão conhecidas na próxima segunda-feira.

De acordo com o Samae, o objetivo do cercamento é evitar a entrada de pessoas não autorizadas ou animais, principalmente nas estações de monitoramento hidrológico. As unidades contam com sensores que monitoram nível de chuva ou dos rios, entre outros dados. Ao todo, o Samae precisa monitorar 364 km² de bacias de captação, mas a Divisão de Recursos Hídricos não tem funcionários suficientes para resolver problemas de depredações, furtos ou danos por fenômenos naturais.

Além das estações hidrológicas, a autarquia também vai cercar imóveis públicos que ficam dentro das bacias de captação, inclusive para realizar a demarcação de áreas. Em alguns pontos o trabalho já havia começado, mas não foi concluído por falta de recursos.

Leia também
Samae projeta entregar no segundo semestre adutora na zona oeste de Caxias
Samae já identificou 52 ligações irregulares de esgoto em Caxias do Sul

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros