Memória: a nostálgica praia dos veranistas caxienses - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Litoral15/01/2018 | 11h12Atualizada em 15/01/2018 | 11h13

Memória: a nostálgica praia dos veranistas caxienses

Os passeios de barco posicionam Torres como uma referência neste tipo de lazer praticado na orla brasileira

Memória: a nostálgica praia dos veranistas caxienses Foto feltes/Divulgação
Praia Grande foi ponto de encontro de muitos caxienses e referência para esportes praticados na orla Foto: Foto feltes / Divulgação

A praia de Torres foi o destino preferido na férias de muitos caxienses. No conjunto de atrativos naturais, a cidade apresenta cenários deslumbrantes com destaque para o Rio Mampituba, Lagoa do Violão, Morros das Furnas e Farol, Parque da Guarita e Ilha dos Lobos.

Os passeios de barco, locais propícios para pesca e longo calçadões para caminhadas e corridas entre a Praia da Cal e Praia Grande, posicionam Torres como uma referência neste tipo de lazer praticado na orla brasileira.

A estrutura hoteleira com excelentes restaurantes, que começaram surgir há cem anos, conquistou a confiança dos veranistas de Caxias do Sul. Uma ambientação familiar se fortaleceu com os empreendimentos dos caxiense do Hotel Sartori, Hotel Alfred, churrascaria de Argemiro Rigon, bem como da Diocese de Caxias do Sul que zelou pela igreja católica de Torres até 1999. Na década de 1970, Expresso Caxiense entregava os jornais dos assinantes do Pioneiro no Hotel Alfred.

A partir da década de 1970, muitos caxienses mudaram-se para Santa Catarina. Na imagem, percebe-se a paisagem da Praia Grande, local de grande concentração de veranistas na década de 1950.

Retrato na escultural Praia da Guarita

 caxias do Sul, RS, Brasil (10/01/2018). Família Bertelli veraneia em Torres, na década de 1960. (Roni Rigon/Pioneiro).
Família Bertelli recepcionava amigos em TorresFoto: Reprodução / Divulgação

No cenário litorâneo da Praia da Guarita, em 1963, estão Pierina Gallio Dal Zotto, Miguel Bertelli, Josephina Gallio Bertelli e Verônica Puzniak Rigon.

Gilberto Vial, 83 anos, recorda que nos primórdios o sogro Bertelli viajava com um Austin A40, importado da Inglaterra. Jantar cabrito assado no restaurante do amigo Argemiro Rigon, comprar carne para churrasco no Hotel Sartori ou bater um papo com o padre Sergio Leonardelli, que trabalhou na igreja de Torres, dava a sensação de estar num ambiente familiar, salienta Vial.

Família Bertelli na Praia da Cal 

 caxias do Sul, RS, Brasil (10/01/2018). Família Bertelli veraneia em Torres, na década de 1960. (Roni Rigon/Pioneiro).
O farmacêutico Miguel Bertelli recepcionou amigos no verão de 1963 em sua casaFoto: Reprodução / Divulgação

A Praia da Cal é emoldurada pelos emblemáticos Morros do farol e das Furnas. O local possui 800 metros de extensão e ampla área de areia para as pessoas acomodarem confortavelmente seus guarda-sóis, cadeiras e esteiras.

Na década de 1970, a Praia da Cal acolheu os primeiros surfistas gaúchos.

Entre os caxienses que optaram em veranear neste trecho de Torres, evidencia-se a família do farmacêutico Miguel Bertelli. Na imagem à esquerda, percebe-se a acolhedora casa de Bertelli, com amigos durante o verão de 1963.

Leia também
Trajetória da família Nascimento no Brasil
Momentos recreativos da Família Nicoletti
Os destaques automotivos em 1993
A arte sacra de Michelangelo Zambelli
Caxienses voam há 50 anos para o litoral
Marcus Gravina na Praia da Cal em 1981

Mais
Confira outras publicações da coluna Memória
Leia antigos conteúdos do blog Memória 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros