Caxienses morrem em confronto com a Brigada Militar de Capão da Canoa - Geral - Pioneiro

Assalto em igreja02/01/2018 | 17h12Atualizada em 02/01/2018 | 18h10

Caxienses morrem em confronto com a Brigada Militar de Capão da Canoa

Um terceiro caxiense foi baleado na ocorrência e está em estado grave

Caxienses morrem em confronto com a Brigada Militar de Capão da Canoa Brigada Militar/Divulgação
Viatura da BM foi alvejada durante perseguição no Litoral Norte Foto: Brigada Militar / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

Dois caxienses morreram e outro foi ferido durante um confronto com a Brigada Militar (BM) de Capão da Canoa, no Litoral Norte. Misael de Lima, 25 anos, e Luis Carlos Soares Coimbra, 42, morreram durante o tiroteio na Estrada do Mar. Josemar da Silva Santos, 21, foi atingido na cabeça e socorrido pelo Samu. Ele segue internado no Hospital Santa Luzia, em Capão da Canoa. 

Lima, que não possuía antecedentes criminais relevantes, era morador do bairro Desvio Rizzo e foi sepultado no Cemitério São Caetano, em Caxias do Sul, na manhã desta terça-feira. Coimbra possuía antecedentes por roubo e porte ilegal de arma de fogo. Santos não também possuía passagens pela polícia. A BM apreendeu uma pistola e dois revólveres com o trio suspeito.

Leia mais:
Assaltantes mortos em Capão da Canoa teriam roubado loja quatro dias antes
Só 29,2% das chamadas ao Samu foram emergências em 2017
Homem é preso por tentativa de homicídio em Campestre da Serra

Os três tripulavam um Celta prata que foi flagrado deixando uma igreja após um assalto.  Conforme o registro de ocorrência, policiais militares estavam em patrulhamento quando, por volta do meio-dia, foram abordados por um popular que relatou um possível roubo a uma igreja às margens da ERS-407. Quando se aproximaram, os brigadianos avistaram três suspeitos deixando o local em um Celta prata.

Foi iniciado o acompanhamento do automóvel, porém o motorista do Celta acelerou e começou a realizar ultrapassagens perigosas em direção a Estrada do Mar. Na perseguição, diversos disparos foram realizados e atingiram a viatura da BM, mas nenhum policial foi ferido.

Os PMs revidaram os tiros e a perseguição seguiu até o quilômetro 34 da Estrada do Mar, onde Celta parou no estacionamento. Dois homens desembarcaram e efetuaram novos disparos contra os policiais, que revidaram. No confronto, dois tripulantes do Celta morreram, incluindo Mizael de Lima, e Josemar da Silva Santos foi socorrido pelo Samu com um grave ferimento na cabeça.

Três armas foram apreendidas e um cofre foi recuperado pelos policiais. Outro criminoso morto no confronto é Luis Carlos Soares Coimbra. Não foi confirmado oficialmente se ele é natural da Serra.

Dois suspeitos de realizarem um assalto à Igreja Universal de Capão da Canoa, no Litoral Norte, morreram no começo da tarde deste domingo (31) após uma perseguição e troca de tiros com a polícia.Segundo a Brigada Militar, o caso começou quando três homens armados entraram no local, às margens da RS-407, no momento de um culto, anunciando o assalto. Ao saírem da igreja, os criminosos entraram em um veículo Celta prata. Uma viatura da BM passava pelo local, percebeu a movimentação e começou a perseguição.
Além das armas apreendidas, os PMs encontraram um cofre e celulares roubados da igrejaFoto: Brigada Militar / Divulgação



 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros