Moradores de Forqueta usam boneco do Papai Noel para reivindicar início das obras na ERS-122, em Caxias - Geral - Pioneiro

Protesto07/12/2017 | 17h20Atualizada em 07/12/2017 | 19h03

Moradores de Forqueta usam boneco do Papai Noel para reivindicar início das obras na ERS-122, em Caxias

Melhorias no acesso ao bairro haviam sido informadas pelo Daer em setembro

Moradores de Forqueta usam boneco do Papai Noel para reivindicar início das obras na ERS-122, em Caxias Glaucia de Diordi/Divulgação
Foto: Glaucia de Diordi / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

A história entre os moradores de Forqueta, de Caxias do Sul, e o Governo do Estado ganhou um novo capítulo nesta quinta-feira. Sem retorno sobre o início das obras prometidas pelo Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (Daer) no acesso ao bairro, os moradores instalaram um Papai Noel e recolocaram a família Buracon, que ficou famosa por ser a principal forma de reivindicação da comunidade, desde julho. Uma faixa com o questionamento "Papai Noel e o Governo vão trazer a obra de presente?" também foi posicionada no canteiro.

Segundo o presidente da associação de moradores (amob) de Forqueta, Dagoberto André dos Santos Júnior, o estopim para a nova manifestação foi o cancelamento de uma reunião que ocorreria na tarde desta quinta-feira com o secretário de Planejamento, Governança e Gestão, Carlos Búrigo.

Leia mais
Comunidade apela ao Neno Buracon para criticar precariedade no acesso ao bairro Forqueta, em Caxias do Sul
PRE retira boneco que chamava a atenção para precariedade no acesso de Forqueta, em Caxias, e comunidade cria novo
Comunidade apela ao Neno Buracon para criticar precariedade no acesso ao bairro Forqueta, em Caxias do Sul
Após protesto, Daer receberá moradores de Forqueta, em Caxias do Sul

Em setembro, o Daer havia informado ao Pioneiro que o trecho de acesso ao bairro receberia um refúgio para retorno entre o final do km 64 e o início do km 65, nas proximidades da antiga praça de pedágio. A obra, conforme informações da autarquia, deveriam iniciar ainda em 2017, porém a rodovia segue sem receber intervenções. 

Atualmente, a entrada na comunidade é considerada um problema por gerar uma fila de veículos na ERS-122, principalmente em horários de pico. Além disso a travessia em direção ao bairro é lenta e perigosa por conta do movimento intenso nos dois sentidos da estrada. Inicialmente, a autarquia havia planejado inserir um conjunto de sinaleiras, mas a proposta foi descartada. 

— Somente indo pelo caminho certo e honesto conseguimos as coisas. E, claro, com muito apoio da comunidade e resistência — disse o líder do bairro.

Pedidos de melhoria ocorrem desde julho

As reivindicações para melhorias no acesso a Forqueta inciaram em julho, quando o primeiro boneco, apelidado Neno Buracon, foi colocado sobre o canteiro de acesso à Avenida Arthur Perottoni. Na noite do mesmo dia, policiais do Grupo Rodoviário de Farroupilha apreenderam o personagem com a justificativa de que ele iria distrair os condutores, podendo causar acidentes. Em resposta, a associação de moradores levou para a estrada a Nena Sinaleira, que também foi retirada pelos policiais rodoviários. 

Dias depois, a comunidade criou "os filhos" deles e os instalou na sacada de um prédio com uma faixa com os dizeres "Papai e mamãe só querem um acesso mais seguro ao bairro". Asfaltino e Sinaleide foram os nomes escolhidos por uma enquete com a comunidade. 

Conforme Dagoberto, os bonecos permanecerão no canteiro junto com o Papai Noel até haver uma resposta positiva para o início das obras. 

O que diz o Governo do Estado

Conforme o secretário de Planejamento, Governança e Gestão, Carlos Búrigo, a expectativa é que as melhorias no acesso à Forqueta iniciem ainda este ano ou no máximo em janeiro de 2018. Ele diz que na próxima semana técnicos do Daer devem visitar  a rodovia para finalizar os detalhes da obra.

— Acreditamos que no mais tardar, esse refúgio seja iniciado em janeiro do ano que vem. A parte burocrática já foi toda vencida, agora precisamos operacionalizar obra. O projeto já está pronto — garante Búrigo. 

Ainda segundo o secretário, um recapeamento está previsto para o trecho entre Caxias do Sul e Farroupilha. Búrigo, no entanto, não deu mais detalhes sobre essa melhoria. 

Em relação à recepção dos líderes comunitários de Forqueta, Búrigo explicou que o encontro será remarcado para uma data próxima, já que nesta quinta-feira houve a necessidade de recepcionar quatro Ministros vindos de Brasília. 

 

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros