Segunda etapa do Enem foi de maior complexidade nas provas  - Geral - Pioneiro

Educação12/11/2017 | 19h15Atualizada em 12/11/2017 | 20h09

Segunda etapa do Enem foi de maior complexidade nas provas 

Alunos relataram maior grau de dificuldade nas provas de exatas, mas aprovaram a divisão do exame em dois finais de semana

Segunda etapa do Enem foi de maior complexidade nas provas  Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Segundo dia de provas do Enem na FSG, em Caxias Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

O segundo dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que terminou às 19h deste domingo, em Caxias do Sul, foi avaliado como mais criterioso por estudantes que realizaram as provas em diferentes locais da cidade. Desta vez, os testes se dividiram em 90 questões sobre Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias. Segundo o Ministério da Educação, 9.848 pessoas estavam inscritas para prestar as provas em Caxias.

Quem fez o Enem na FSG, entretanto, teve uma dificuldade a mais. Segundo os participantes, um protesto pró-intervenção militar, que teria ocorrido por cerca de 30 minutos no lado de fora, atrapalhou quem estava realizando os testes:

- Muitas pessoas tiveram que colocar as mãos nos ouvidos para afastar o barulho. Tocaram o hino algumas vezes e tinha música alta. Não havia gritos, mas a música atrapalhou bastante - relata a fiscal de prova Débora Quissini.

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL, 12/11/2017. Segundo dia de provas do Enem na FSG, em Caxias. (Diogo Sallaberry/Agência RBS)
Carolina Boeira e Julia Perozzo estão em busca de uma bolsa de estudosFoto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

Com a novidade de uma prova dividida em dois domingos consecutivos, a impressão foi de maior tranquilidade entre os participantes. Carolina Boeira e Julia Perozzo, ambas de 17 anos, estavam entre os três últimos inscritos a terminar a prova na FSG. Segundo elas, a divisão foi positiva:

- Foi muito melhor desta maneira. Eu acredito que não teria condições de fazer uma prova deste nível em apenas um final de semana - conta Julia.

Jaqueline Assunção, 18, pretende cursar Psicologia. Ela relatou dificuldade nos assuntos abordados, e disse ter sido prejudicada pela greve do magistério estadual, iniciada em 15 de setembro:

- Eu não me preparei muito, e quando começamos a treinar a redação na escola e alguns assuntos importantes para o Enem, veio a greve. Me prejudicou um pouco.

Neste ano, a inclusão esteve fortemente presente no exame. Desde o tema da redação, que apontava os problemas da inclusão das pessoas com deficiência auditiva na educação brasileira, até as novidades como o vídeo prova traduzido em Língua Brasileira de Sinais (Libras) e o já conhecido tradutor-intérprete de Libras. Das 41.284 solicitações de atendimento especializado no país durante o Enem, 6.315 mil foram feitas por pessoas surdas ou com algum grau de deficiência auditiva. 

Entre as mudanças, este ano também marcou o fim da certificação do Ensino Médio pelo Enem, substituído pela prova do Encceja, que ocorre no próximo domingo, dia 18 de novembro.

O resultado do Enem 2017 estará disponível no site do Inep a partir de 19 de janeiro de 2018. 

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros