Memória: O universo fascinante de Zico Zugno - Geral - Pioneiro

Aventura06/11/2017 | 10h28Atualizada em 06/11/2017 | 10h28

Memória: O universo fascinante de Zico Zugno

Em Torres, Zico combinava pescarias com o irmão Neco e o amigo Dirceu Corsetti

Memória: O universo fascinante de Zico Zugno Reprodução/Divulgação
Contato com a natureza em mergulhos aprimorou a sensibilidade literária de Zico Foto: Reprodução / Divulgação

A experiência de Zico Zugno prova que é possível viver em equilíbrio nas variadas circunstâncias da realidade. A empolgante juventude de Zico Zugno está marcada pela dedicação dividida entre os estudos disciplinados e muitas aventuras recreativas. O caxiense exibe um perfil singular, demonstrando perícia em saltar de uma cachoeira destemidamente, bem como igual determinação para superar um concorrido vestibular na UFRGS.

Nas décadas de 1970 e 1980, Zico conviveu com os amigos Dirceu Corsetti, Jaime Lorandi, Paula Curra, Hique Fontana, Gilvan Gresller, Syssi Pucinelli, Mário Marcon, Álvaro Franzoi, Neco Zugno, entre outros, sempre movidos por novas descobertas proporcionadas pelos esportes radicais.

Em Torres, Zico combinava pescarias com o irmão Neco e o amigo Dirceu Corsetti, campeão em paraquedismo. Quando permanecia em Caxias do Sul, eram rotineiros os passeios de moto pelo Itaimbezinho e Cânion Fortaleza. A turma da moto era composta por Franzoi, Fontana e Marcon. Zico recorda que por volta de 1983 os amigos adquiriram a moto trail XL 250, que pela robustez e capacidade de motor facilitou incursões de final de semana com mais segurança e rapidez pela estrada Rota do Sol sem asfalto.

Das empreitadas, ficou para eternidade da história a descoberta do Ninho das Águias. O grupo liderado por Álvaro Franzoi e Marciano Tonet mobilizou seguidores com Lorandi, Curra, Marcon, testemunhos dos primeiros voos na rampa sul.

Na imagem registrada em julho de 2007, percebe-se Zico mergulhando em Fernando de Noronha. A intimidade com o mar foi aperfeiçoada na Ilha dos Lobos na adolescência, ocasiões em que fascinava observar os destroços do navio Avahy.

Zico na cachoeira de Lajeado Grande

Sempre esbanjando disposição, Zico conheceu muito bem a região dos cânions de Itaimbezinho e Fortaleza, com sua moto. Apreciador dos grandes cenários montanhosos, o engenheiro caxiense fez espetaculares imagens nos vulcões da Costa Rica. O Irazu com 3. 450 metros de altura, o frondoso Arena e o fumegante Poá, são alguns dos pontos emblemáticos visitados no Exterior. Na imagem, Zico demonstra sua audácia ao pular na cachoeira localizada em Lajeado Grande, São Francisco de Paula.

Itália no roteiro de Zico Zugno

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIl (01/10/2017). Zico Zugno escreveu o livro Pescador de Aventuras, obra que reproduz momentos de sua vida na juventude. (Roni Rigon/Pioneiro).
Zico sempre valorizou a cultura nas viagensFoto: Reprodução / Divulgação

Unir a vida de estudante com a profissão permitiu Zico conhecer o mundo. Nos roteiros de estudos, evidencia-se uma temporada em Israel, na Universidade de Holon. Na Itália (foto), Zico atendeu um compromisso familiar e aproveitou para visitar o Coliseu em Roma.

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros