Marcha para Jesus deve atrair cinco mil pessoas neste sábado, em Caxias do Sul - Geral - Pioneiro

Religiosidade18/11/2017 | 09h30Atualizada em 18/11/2017 | 14h44

Marcha para Jesus deve atrair cinco mil pessoas neste sábado, em Caxias do Sul

Às 18h, a multidão inicia o trajeto pela Rua Sinimbu

Marcha para Jesus deve atrair cinco mil pessoas neste sábado, em Caxias do Sul Jonas Ramos, Especial/
Foto: Jonas Ramos, Especial
Pioneiro
Pioneiro

Cânticos de louvor e orações ecoarão na área central de Caxias neste sábado. Um coro de mais de 200 vozes promete ser o ponto alto da tradicional Marcha para Jesus, um dos principais eventos religiosos da cidade que reúne evangélicos todos os anos. Tenores, sopranos e contraltos de 50 igrejas diferentes, acompanhados de pastores e da banda Nobreak Sounds, animarão milhares de pessoas no estacionamento da prefeitura faça chuva ou não.

A expectativa do Conselho das Igrejas Evangélicas de Caxias do Sul (Ciecs), responsável pela organização, é atrair cerca de cinco mil pessoas. O público fará concentração na Praça da Bandeira. Às 18h, a multidão será liderada por um caminhão de som pela Rua Sinimbu e seguirá até o pátio da prefeitura, onde a celebração prosseguirá até por volta das 22h.

Leia mais
Após temporal, crianças atendidas em projeto social de Vacaria têm aulas suspensas
Banco de Alimentos de Caxias do Sul precisa de doações para atender 110 entidades carentes

Além de manter a tradição iniciada nos anos 1990 e que só ganhou regularidade e grande público a partir do final da década passada, a Marcha para Jesus pretende mais uma vez unificar os integrantes das 300 denominações diferentes de igrejas evangélicas na cidade. No último censo do IBGE, 60 mil moradores de Caxias do Sul se declararam evangélicos que cultivam a fé em três ramificações diferentes: tradicional, pentecostal e neopentecostal.

A Marcha de Jesus vem sendo organizada há semanas. Os ensaios para o show de vozes duraram cerca de um mês, por exemplo. Além de cânticos clássicos, a ideia é interpretar músicas de cantores consagrados como Aline Barros. O coordenador operacional do evento, pastor Mauro Soares Bitencourt, também cita a apresentação de 50 bailarinas de 11 igrejas diferentes, que ocorrerá no palco montado na prefeitura. No ano passado, o evento não teve muita adesão porque coincidiu com o período eleitoral.

— O maior desafio dos evangélicos no momento é a unidade. A proposta da Marcha, portanto, é de unir essa diversidade, mas sem qualquer objetivo de cunho político ou doutrinário. O foco é o que se prega nas igrejas: a salvação de Jesus Cristo pela graça e pela fé. E a juventude é o motor da Marcha — aponta o presidente do Ciecs, pastor David Scherdien Santos.

SERVIÇO

O quê: Marcha para Jesus 2017 - Expressão da Unidade
Quando: sábado
Horário: das 18h às 22h
Onde: concentração na Praça da Bandeira, no bairro São Pelegrino. Às 18h, o grupo percorre a Rua Sinimbu até o pátio da prefeitura, no bairro Exposição, onde estará montado o palco para apresentações. O evento ocorre será mantido mesmo em caso de chuva, segundo o Ciecs.

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros