Memória: Curso de Enfermagem da UCS: 60 anos de história - Geral - Pioneiro

Ensino25/10/2017 | 11h37Atualizada em 25/10/2017 | 11h37

Memória: Curso de Enfermagem da UCS: 60 anos de história

Memória: Curso de Enfermagem da UCS: 60 anos de história UCS/Divulgação
Foto: UCS / Divulgação

O curso de Enfermagem foi incorporado à Universidade de Caxias do Sul em 1967. A graduação foi criada a partir da Escola de Enfermagem Madre Justina Inês, que, em 1957, passou a oferecer o curso superior de Enfermagem, com sede onde hoje funciona o Hospital Saúde. Como primeiro curso da área da saúde ofertado em Caxias, a Enfermagem iniciou suas atividades em março de 1957, por iniciativa da Sociedade das Damas de Caridade, juntamente com a Congregação das Irmãs de São José.

Independentemente do contexto histórico e das etapas evolutivas por que passou, o curso de Enfermagem sempre teve como objeto central de preocupação o cuidado humano em diferentes dimensões, em âmbito individual e coletivo.

Enfermagem da UCS uma história de 60 anos
Solenidade da primeira graduação em Enfermagem, em 1960Foto: UCS / Divulgação

O nome da Escola foi escolhido em homenagem a Madre Justina Inês. Com visão futurista, Madre Justina encaminhava para grandes centros outras irmãs para a formação acadêmica. 

Entre as mulheres que foram a São Paulo com o objetivo de aprender técnicas diferenciadas, estava a Irmã Rosália Pegoraro, uma das fundadoras da Escola de Enfermagem Madre Justina Inês e do curso de Enfermagem da UCS.

Em 1967, o presidente Castelo Branco assinou o Decreto 60.200, autorizando a constituição da Universidade de Caxias do Sul. 

A Associação Universidade de Caxias do Sul foi criada em 16 de agosto de 1966, e reunia as entidades das Faculdades de Ciências Econômicas, Filosofia, Direito, além das Escolas de Enfermagem Madre Justina Inês e Belas Artes. 

As primeiras formandas da turma de Enfermagem de 1959, com solenidade realizada em 1960, foram: Catarina Fantin, Celeste Morlino Larrion, Eva Neli Kronbauer, Gemma Galiotto, Rita Bortolini e Sandra Maria de Abreu Mendes. Naquela época, o curso de Enfermagem tinha a duração de três anos.

Para celebrar 

Enfermagem da UCS uma história de 60 anos
Registro da turma de formandas em Enfermagem em janeiro de 1975Foto: UCS / Divulgação

Para comemorar os 60 anos da Enfermagem, a coordenação do curso e o Diretório Acadêmico programam atividades comemorativas na UCS no dia 26 de outubro, próxima quinta-feira. Na ocasião, haverá uma bênção na Capela Ecumênica, no bosque ao lado do Bloco A do Campus-Sede, às 16h. Além disso, no dia 8 de novembro, às 18h, no Salão de Atos da Reitoria, uma cerimônia vai reunir profissionais, ex-professores, ex-alunos e a comunidade acadêmica para relembrar a história do curso e refletir a inserção da Enfermagem na evolução da saúde em Caxias.

O curso atualmente

Enfermagem da UCS uma história de 60 anos
Grupo de alunos estagiários no campus da UCSFoto: UCS / Divulgação

Aos 60 anos, o curso de Enfermagem na UCS contabiliza 1.925 formandos, tendo também ofertado e concluído uma turma em Veranópolis e Vacaria, respectivamente 2015 e 2014. De seus egressos, mais de 90% continuam atuando na área e encontram-se exercendo a mesma em diferentes estados, inclusive no exterior. Atualmente, o curso conta com 171 alunos.

Sobre a data, a atual coordenadora do curso, professora Isabel de Melo, destaca:

– O grande mérito do curso de Enfermagem da Universidade de Caxias do Sul é não ter medo de introduzir as mudanças necessárias à qualificação dos processos de formação, em cada momento histórico.

Confira outras publicações da coluna Memória

Leia antigos conteúdos do blog Memória 


 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros