PRF pretende intensificar ações de inteligência para combater a criminalidade na BR-470  - Geral - Pioneiro

Fiscalização06/07/2017 | 13h17Atualizada em 06/07/2017 | 13h17

PRF pretende intensificar ações de inteligência para combater a criminalidade na BR-470 

A rodovia é rota de tráfico de drogas entre o Paraguai e Porto Alegre 

PRF pretende intensificar ações de inteligência para combater a criminalidade na BR-470  Polícia Rodoviária Federal / Divulgação/Divulgação
Foto: Polícia Rodoviária Federal / Divulgação / Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) pretende aprimorar a integração entre os setores operacionais e de inteligência para manter o combate à criminalidade na BR-470, na Serra. A rodovia é uma das principais rotas de tráfico de drogas entre o Paraguai e a Região Metropolitana de Porto Alegre. As informações são da Gaúcha Serra.

Leia mais
Homem é flagrado com 15 porções de cocaína em frente à escola em Bento Gonçalves
Encaminhamentos de seguro-desemprego reduzem 14% em Caxias no primeiro semestre 

De acordo com o chefe da 6ª Delegacia da PRF de Bento Gonçalves, Lucas Martins, a exemplo das outras rodovias federais da Serra, a fiscalização na BR-470 também será afetada com a suspensão de parte das atividades da instituição em todo o país. Entre as medidas que vão impactar a operação na rodovia está a redução na circulação de viaturas para rondas. O uso de radar também pode diminuir devido ao custo de envio das notificações pelos Correios.

De acordo com Martins, no entanto, as equipes manterão o foco em ações de prevenção de acidentes e combate ao crime. Apesar do esforço, situações semelhantes no passado, segundo ele, resultaram em aumento de até 80% no número de acidentes. Ainda ontem, a direção da PRF disse que negocia com o governo federal a recomposição orçamentária da instituição.

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comFacebook sai do ar e usuários relatam instabilidade no Twitter https://t.co/4YrYFneu2t #pioneirohá 32 segundosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPMs comunitários de Caxias do Sul podem não mais morar em suas comunidades de atuação https://t.co/K4ltQR410e #pioneirohá 15 minutosRetweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros