Escola Ivanyr Marchioro, em Caxias, sofre com estrutura precária e frequentes alagamentos  - Geral - Pioneiro

Desde 201216/06/2017 | 08h51Atualizada em 16/06/2017 | 08h51

Escola Ivanyr Marchioro, em Caxias, sofre com estrutura precária e frequentes alagamentos 

Nos corredores, o acúmulo de água inviabiliza o uso da energia

Escola Ivanyr Marchioro, em Caxias, sofre com estrutura precária e frequentes alagamentos  Porthus Junior/Agencia RBS
Péssimas condições são vistas na escola desde 2012 Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

Tudo começou como um problema pontual de destalhamento parcial em 2012. Seis anos depois, a cada chuva forte ou contínua, a Escola Estadual Ivanyr Euclínia Marchioro sofre com alagamentos que já comprometem em torno de 80% da estrutura. 

Leia mais:
130 famílias são cadastradas para auxílio na reconstrução de casas em Caxias

O prédio no bairro Jardelino Ramos, apresenta infiltrações, rachaduras, vazamentos e problemas na rede elétrica. Até mesmo a parte coberta do pátio não cumpre a função esperada e os alunos ficam mais vulneráveis às mudanças climáticas.

— Se chove dois dias seguidos, mesmo em volume mais contido, já alaga tudo. Nesses dias, há mais baldes do que crianças nas salas de aulas — relata a professora Deise Neto Provin.

Nos corredores, o acúmulo de água inviabiliza o uso da energia. Com isso, em dias nublados, a escuridão dificulta o deslocamento para as salas e atrapalham as atividades pedagógicas para os 152 alunos da instituição e a rotina dos professores.

— O remanejamento das turmas é frequente. Precisamos sempre improvisar acomodações. Chegamos prontos para dar aula, mas nos dias de chuva o que menos fazemos é isso. Os professores e funcionários ficam correndo de um lado para o outro com os alunos e levando baldes, panos e vassouras para as salas — descreve a diretora Marli Petrocelli Carvalho.

Até mesmo as atividades recreativas são limitadas. Em 2012, a escola adquiriu equipamentos para um parquinho. Os brinquedos, entretanto, ainda estão nas embalagens, pois o terreno não tem condições para receber a estrutura.

— Quando assumi a direção em 2012, encontrei documentações solicitando reformas. Após o temporal naquele ano, que destelhou parcialmente a escola, reiteramos as reivindicações e, desde então, a estrutura deteriorou ainda mais, o governo fez diversos encaminhamentos, prometeu urgência, mas nada foi feito em cinco anos — desabafa Marli.

Os banheiros também apresentam vazamentos, infiltrações, louças e azulejos quebrados. E o estacionamento com desnível dificulta o acesso de veículos.

— A escola tem só 23 anos e nossa estrutura está totalmente precária. Espero que não precise acontecer alguma tragédia para que os reparos necessários sejam feitos. Infelizmente, já tive uma experiência assim em outra instituição, onde o teto teve que desabar para o governo nos amparar _ conclui Deise.

O QUE DIZ A 4ª CRE

A 4ª Coordenadoria Regional de Educação assegura que os reparos são tratados como prioridade. Na última semana, o setor de obras da 4ª CRE encaminhou ofício à escola, no qual garante que as demandas foram inclusas no Sistema de Gerenciamento de Obras  (SGO) em caráter emergencial ainda em 2016. O comunicado garante que o telhado, rachaduras, problemas elétricos e hidrossanitários serão contemplados na reforma.

— Na última semana, o governo do Estado confirmou repasse de R$ 38 milhões para pequenas obras. Ainda não saiu a relação das escolas, mas temos certeza que a Ivanyr está incluída na lista — afirma a titular da 4ª CRE, Janice Moraes.

O processo, no entanto, deve demorar ainda alguns meses, uma vez que necessita da contratação da empresa para executar as melhorias. 

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comJuventude tem semana providencial para corrigir erros https://t.co/LNgJekYTVd #pioneirohá 3 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPrêmio de R$ 90 milhões da Mega-Sena movimenta lotéricas de Caxias https://t.co/19gw0lFDH0 #pioneirohá 1 horaRetweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros