Memória: 50 anos do campo de Nossa Senhora do Rosário - Geral - Pioneiro

Futebol16/05/2017 | 10h00Atualizada em 16/05/2017 | 10h00

Memória: 50 anos do campo de Nossa Senhora do Rosário

O futebol integrou a simplicidade no cotidiano dos moradores da capela de Nossa Senhora do Rosário

Memória: 50 anos do campo de Nossa Senhora do Rosário Sociedade Nossa Senhora do Rosário/Agencia RBS
Esforços comunitários resultaram na construção de um campo de futebol em 14 de maio de 1967 Foto: Sociedade Nossa Senhora do Rosário / Agencia RBS

A comunidade de Nossa senhora do Rosário, localizada na 7ª Légua, em Caxias do Sul, preserva inúmeros elementos culturais de sua história. Mesmo sendo afetada pelo progresso urbano, a localidade ainda mantém intacto sua convivência paroquial.

Atualmente, um grupo formado por Romeu Masotti, Aldo Masotti, Nelson Masotti e Ana Chies Masotti, entre outros, atuam como voluntários abnegados das atividades do salão paroquial.

No dia 14 de maio, amigos e familiares se reuniram para festejar 50 anos da inauguração do campo de futebol. A área esportiva foi adquirida por paroquianos adeptos ao esporte, em conjunto com a doação de uma fração de propriedade de Aquilino Lenzi.

Leia mais
Memória: há 100 anos...
Memória: frei Ambrósio em Caxias

A inauguração do campo, em 14 de maio de 1967, mostra as características das famílias que viviam no interior caxiense. A pequena capela representavam a instituição que irradiava a orientação espiritual e a convivência pacífica entre amigos. Ao lado, o salão paroquial favorecia os encontros familiares em festas religiosas, casamentos, jogo de bochas e cartas e reuniões comunitárias.

Na solenidade que apresentou o campo par atividades esportiva, foi celebrada uma missa ao ar livre. O altar montado na entrada do campo, percebe-se a bucólica capela e os carros característicos na década de 1960. A celebração religiosa foi feita pelo padre Sady Domingos Covolan.

Parte desta história está registrada no livro biográfico de Sady Covolan. A obra resultou da pesquisa compilada por Maristela e Renata Brancher. 

Futebol abençoado pelo padre Covolan

Padre Sady Covolan abençoou o campo e os jogadores em 1967 Foto: Sociedade Nossa senhora do Rosário / Agencia RBS

O futebol recreativo integrou a simplicidade no cotidiano dos moradores da capela de Nossa Senhora do Rosário. Na imagem percebe-se o momento das bênçãos às taças e a bola. Numa disputa esportiva, além da exaltação emocional, o risco de lesão é suscetível. O Padre Sady Covolan lançou água abençoada para que o futebol fosse uma celebração social, para reunir amigos e não para criar a discórdia. 

Equipe de futebol em 1967

A recreação do futebol valorizou as disputas amistosas realizadas na época Foto: Acervo da Sociedade Nossa Senhora do Rosário / Agencia RBS

Aldo Massotti, 69 anos, assistiu os primeiros jogos no campo inaugurado em 1967. Na década de 1970, integrou o segundo quadro. Nelson Massoti, 75 anos, que hoje colabora na administração do salão paroquial, acompanhou a campanha para ter um campo de futebol próprio. Os paroquiano tinham consciência do valor da recreação, que estimulou o convívio com agremiações de vários outros pontos da cidade.

Numa das imagens que simboliza a história deste clube, destaca-se o time formado na década de 1960, integrado pelos atletas Léo, Valter, Ilson, Romeu, Elói e Noredi (em pé); Antoninho Zotti, Zé, Reinaldo, Heitor Rech e Nestor Zignani (agachados).

Confira outras publicações da coluna Memória

Leia antigos conteúdos do blog Memória


 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comCaminhão sem freios colide em veículo e mata uma pessoa em Gramado https://t.co/jfRXveZ0IC #pioneirohá 2 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comGaleria de Fotos - Pioneiro https://t.co/6ZYmicitOA #pioneirohá 2 horas Retweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros