Para prevenir acidentes, moradores de Nova Roma do Sul farão roçada na ERS-448 - Geral - Pioneiro

Quase abandonada11/04/2017 | 17h25Atualizada em 11/04/2017 | 17h25

Para prevenir acidentes, moradores de Nova Roma do Sul farão roçada na ERS-448

Mato está invadindo parte da pista, mas Daer não tem previsão de quando fará a manutenção da estrada

Para prevenir acidentes, moradores de Nova Roma do Sul farão roçada na ERS-448 Porthus Junior/Agencia RBS
Rodovia está incluída em projeto de restauração, mas cronograma não está definido Foto: Porthus Junior / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

São cerca de 40 quilômetros entre Farroupilha e Nova Roma do Sul pela ERS-448, trajeto que pode ser percorrido em 50 minutos de carro. Mas há um grande problema no caminho: o mato está invadindo boa parte da pista, prejudicando a visibilidade a cada curva no trecho de serra.Preocupados com a possibilidade de acidentes, cerca de 40 moradores de Nova Roma do Sul vão levar roçadeiras para arrancar a vegetação no trecho de Farroupilha na manhã desta quarta-feira — a partir da ponte sobre o Rio das Antas, em Nova Roma do Sul, o mato está desbastado. 

Leia mais
Liminar mantém preço da tarifa de ônibus em Caxias do Sul
Governo Guerra, em Caxias, faz nova foto oficial, agora sem o vice-prefeito
Quase 40 médicos servidores do município de Caxias pediram exoneração em 2017

Mesmo contrariando um entendimento do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), que vê riscos nesse tipo de trabalho, a ação mobilizará representantes da prefeitura, da Câmara de Vereadores e da comunidade a partir das 8h.

— Cobramos muito do Daer, mas não temos resposta. Há anos estamos roçando a estrada no lado que pertence a Nova Roma. A falta de manutenção é perigosa. Pela estrada passam não só carros, como ciclistas e motociclistas — diz o vice-prefeito de Nova Roma, Roberto Panazzolo.

O alerta de Panazzolo faz sentido. Segundo o Comando Rodoviário da Brigada Militar, cerca de 40 acidentes ocorreram na rodovia desde 2010. No período, pelo menos duas pessoas morreram e outras 42 se feriram. Obviamente, nem todos os acidentes tiveram relação com a manutenção da estrada, mas o mato que encobre a visão dos condutores potencializa colisões. 

— O asfalto não está tão ruim, mas a água invade a pista porque o mato entope as valetas, daí complica dirigir — complementa Panazzolo.

O Daer, por meio de assessoria de imprensa, informou que a 448 está incluída no cronograma de manutenção e recuperação asfáltica. Como o plano prioriza rodovias com maior volume de tráfego, ainda não há uma data definida para as melhorias entre Farroupilha e Nova Roma.

Quanto à iniciativa dos moradores para realizar a roçada por conta própria, o Daer não concorda com esta atitude, já que os funcionários que realizam a roçada das rodovias recebem preparação necessária para a atividade, levando em consideração os riscos que ela proporciona se não efetuada com a devida segurança", finaliza o departamento, por meio de nota.

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPrefeitura de Caxias vai descontar mais de R$ 400 mil de salários de médicos em greve https://t.co/ERqBpq2zRf #pioneirohá 17 segundosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comGuerra SA, de Caxias, solicitará mais 30 dias para apresentar plano de recuperação judicial https://t.co/wajIAvI7GK #pioneirohá 30 minutosRetweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros