Frei Jaime: as batidas do coração - Colunas de Frei Jaime Bettega - Últimas notícias do Brasil e Mundo - Geral - Pioneiro
 
 

Opinião18/01/2019 | 06h00Atualizada em 18/01/2019 | 07h38

Frei Jaime: as batidas do coração

Viver é fazer escolhas

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! O amanhecer desta sexta-feira é portador de luz e de paz... Sintamo-nos alegres por este significativo presente: um novo dia! Que a convivência seja serena e que os laços sejam estreitados. Como é maravilhoso experimentar o amor misericordioso de Deus! 

"Às vezes, precisamos deixar o mundo no 'mudo', para ouvir as batidas do próprio coração."

Viver é fazer escolhas. A cada amanhecer é necessário reunir as melhores energias, para abraçar serenamente as diferentes situações que se apresentam. Estar no mundo é um privilégio e, ao mesmo tempo, um enorme desafio. A complexidade se faz presente em todos os recantos do universo. Nada é complicado, mas toda decisão requer atenção e lucidez. Porém, em alguns momentos é importante deixar o mundo no 'mudo', para poder escutar o que vai nas profundezas do próprio ser. Não escutar-se é aumentar o risco das angústias e dos percalços. 

As batidas do coração têm uma linguagem própria, uma comunicação inconfundível, um jeito único de expressar as emoções. O primeiro passo para ouvir o coração é cessar o barulho externo, procurar não ficar sempre preso aos diferentes meios que causam, por vezes, ruídos estridentes. A evolução tecnológica é uma verdadeira dádiva. As distâncias geográficas foram eliminadas. Todos estão, de um jeito ou de outro, conectados. Porém, os excessos sempre preocupam. É necessário saber a dose certa de tudo, para cada situação e ocasião. 

Algumas pessoas passam muito tempo sem ouvir o que o coração tem para dizer. Sufocar os sentimentos é provocar e antecipar doenças emocionais, que multiplicam consequências e deixam inúmeras sequelas. O silêncio é sempre bem-vindo, pois favorece e concede a serenidade necessária, para dar conta da agitação diária. A tendência não acena para tempos menos movimentados. Tudo indica que os próximos anos serão marcados por uma grande velocidade. Então, se não é possível mudar o mundo, é imprescindível aprender os segredos daquele silêncio que só o coração conhece e proporciona. As batidas, em alguns corações, estão agitadas porque não são ouvidas. O tempo dedicado ao coração retorna em forma de felicidade. 

Bênçãos! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!          

Leia também
Banda Velocetts lança faixa que reflete cenário musical atual

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros