A vida é feita de trocas - Cotidiano - Pioneiro

Frei Jaime Bettega15/10/2016 | 08h18Atualizada em 15/10/2016 | 08h18

A vida é feita de trocas

O erro que cometemos é quando procuramos ser amados em vez de amar

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia!

Abraçando a leveza desse sábado, que será um pouco mais curto, por causa do horário de verão... Entre quantidade e intensidade, sempre valerá o que é profundo e intenso. Vamos lá! Ainda bem que tem horário pra tudo!

"O erro que cometemos é quando procuramos ser amados em vez de amar." (John Dryden).

Leia mais
Nivaldo Pereira: aquela coisa de indecisão
Pedro Guerra: a loja de brinquedos mais legal da cidade
Francisco Michielin: exuberâncias de outubro
Ciro Fabres: o Uber e as imperfeições
Adriana Antunes: aprender a olhar as estrelas

A vida é feita de trocas. Tomar a inciativa é sempre mais exigente. Aguardar é cômodo, porém nem sempre vantajoso. No campo dos sentimentos, os erros são frequentes. O aprendizado ainda é insuficiente diante da complexidade da convivência. Agir por impulso pode provocar irreparáveis perdas. Encarregar o tempo para solucionar determinadas situações é também arriscado.

A maior determinação não está em querer ser amado. Talvez aqui resida a consequência. O ponto de partida é amar. A grande maioria passa a vida inteira preparando-se para o exercício profissional. No entanto, o investimento no amor é inexpressivo. Muitas pessoas estão à procura de alguém que as ame. É evidente que a relação não terá consistência. A primeira disposição é buscar amar a outra pessoa. Quem sabe amar, também será amado. Somente quem se dispõe a construir uma história permeada pelo amor colherá os frutos do próprio ato de amar.

Os cenários das relações humanas se apresentam mais fragilizados, nos últimos tempos. Se fosse possível mensurar a carência, os níveis assustariam. Quem busca tão somente ser amado, torna-se carente mais facilmente. O amor eleva, reúne os melhores atributos, humaniza, silencia, preenche de conteúdo, harmoniza. O amor é tudo de bom na vida de uma pessoa. O importante é ir além dos momentos felizes: continuar amando mesmo quando a dor faz o corpo tornar-se pesado. Há dias sem brilho, noites sem estrelas, horizonte sem crepúsculo. Mesmo assim, é preciso amar para ser amado.

Bênçãos! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraços!      


 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros