Rio Caí sobe e 16 famílias são retiradas de casa em São Sebastião  - Cidades - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Chuva01/07/2020 | 08h27Atualizada em 01/07/2020 | 11h09

Rio Caí sobe e 16 famílias são retiradas de casa em São Sebastião 

As famílias foram levadas para um dos ginásios da cidade

Rio Caí sobe e 16 famílias são retiradas de casa em São Sebastião  Matheus Felipe/Agência RBS
As famílias foram levadas para um dos ginásios da cidade Foto: Matheus Felipe / Agência RBS

As fortes chuvas que atingiram o RS provocaram diversos transtornos na região. Em São Sebastião do Caí, 16 famílias foram removidas de suas casas entre a noite de terça-feira (30) e a madrugada desta quarta-feira (1°). São 73 moradores da região em torno do Rio Caí, que chegou a 12 metros nesta manhã. As famílias foram levadas para um dos ginásios da cidade por causa da enchente do rio.

De acordo com a Defesa Civil, no final da manhã de terça, o nível do Rio Caí subiu dois metros em apenas duas horas. 

— Quando o Rio Caí chega na marca de 11,5 metros, começa a entrar água nas casas. Por volta das 22h iniciamos a remoção desses moradores e concluímos às 2h — afirma o coordenador da Defesa Civil, Pedro Griebler.

As famílias estão no Centro Navegantes. Medidas de prevenção contra o contágio pela covid-19 foram tomadas: 

— Nós medimos a temperatura das famílias que entraram no ginásio e cada uma recebeu um frasco de álcool em gel. Fizemos o máximo possível para manter o distanciamento entre elas — garantiu Griebler, alertando ainda que elas são mantidas longes umas das outras, cerca de três metros, para evitar aglomeração. 

Caso mais famílias precisem ser removidas da região do Rio Caí, a Defesa Civil deve usar outro ginásio para manter o distanciamento social. 

Ainda segundo ele, a estimativa é que o nível da água não ultrapasse os 12,20 metros.

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros