Bairro Rio Branco e as duas igrejas dos Capuchinhos - Cidades - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Memória17/02/2020 | 07h00Atualizada em 17/02/2020 | 07h00

Bairro Rio Branco e as duas igrejas dos Capuchinhos

Templo antigo situava-se na esquina das ruas General Sampaio e General Malet, em frente ao prédio da Editora São Miguel

Bairro Rio Branco e as duas igrejas dos Capuchinhos Studio Geremia / Arquivo Paróquia Imaculada Conceição, divulgação/Arquivo Paróquia Imaculada Conceição, divulgação
A igreja antiga (à esquerda) e a nova sendo construída no final da década de 1950, em um ainda bucólico bairro Rio Branco Foto: Studio Geremia / Arquivo Paróquia Imaculada Conceição, divulgação / Arquivo Paróquia Imaculada Conceição, divulgação

A inauguração deu-se em 8 de dezembro de 1961, dia de Nossa Senhora da Imaculada Conceição – 60 anos, portanto, em 2021. E antecipando um pouco o aniversário da atual Igreja dos Capuchinhos, trazemos duas imagens do antigo templo, então localizado na esquina das ruas General Sampaio e General Malet. 

Era em torno dele que a comunidade católica do bairro Rio Branco e arredores reunia-se para as mais diversas atividades, como a tradicional festa da padroeira – na foto abaixo, em um registro de 1955. Na imagem aérea acima, a igreja antiga (à esquerda) e a nova sendo construída no final da década de 1950, em um ainda bucólico bairro Rio Branco. Entre elas, o Convento Imaculada Conceição e o prédio da Gráfica e Editora São Miguel, que desde 2000 abriga também o Museu dos Capuchinhos

Ah, sim: atualmente, a esquina é novamente um espaço de lembranças, vide a demolição do prédio do Colégio Santo Antônio, erguido no terreno da igreja velha, em meados dos anos 1960.

Leia mais:
Você é um morador raiz do bairro Rio Branco? Teste seus conhecimentos
Família de José Zugno no Calendário Antoniano de 1972
Imagens e histórias recuperadas no Museu dos Capuchinhos
Primórdios da Diocese de Caxias  em 1931

A antiga Igreja Imaculada Conceição (Igreja dos Capuchinhos), na esquina da Rua General Sampaio com a General Malet, durante a festa da padroeira de 1955, dia 8 de dezembro.
A igreja antiga, na esquina da General Sampaio com a General Malet, durante a festa da padroeira de 1955Foto: Amadeu Zinani / Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami,divulgação

Leia mais:
Memória dos Capuchinhos: 25 anos sem o Frei Ambrósio Tondello  
Brechó São Lucas: um templo para garimpar no Museu dos Capuchinhos   
Freis Capuchinhos: 120 anos no Rio Grande do Sul 

O trecho em 1954

Na imagem abaixo, a Rua General Sampaio em 1954. Vê-se a antiga igreja (E), o prédio da editora, com São Miguel Arcanjo no topo, e o acesso ao Convento Imaculada Conceição e à gruta (à direita). 

Convento dos Capuchinhos (Convento Imaculada Conceição) e prédio do Correio Riograndense e da Editora Sao Miguel em 1954, na Rua General Sampaio esquina com General Mallet. Bairro Rio Branco. No topo, São Miguel Arcanjo.
Rua General Sampaio em 1954: a antiga igreja (E), o prédio da editora, com São Miguel Arcanjo no topo, e o acesso ao Convento Imaculada Conceição e à gruta (D)Foto: Studio Geremia / Acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adai,divulgação

A paróquia

Criada pelo bispo Dom José Barea, a Paróquia Imaculada Conceição surgiu em 1949, época em que o então distante bairro Rio Branco contava com apenas 350 famílias, totalizando aproximadamente 1.750 moradores – natural dizer que a história dos dois templos e o desenvolvimento do bairro caminharam juntos.

A nova igreja, logicamente, começou a ser idealizada na esteira do crescimento da população e do bairro a partir dos anos 1950. As melhorias no terreno começaram em outubro de 1954. Já a construção iniciou-se quatro anos depois, no final de 1958. Na sequência do novo templo, vieram o salão paroquial, inaugurado em 1966, e o ginásio de esportes, em 1995.   

Leia mais:
Bairro Rio Branco: o Convento Imaculada Conceição em 1954
Freis Capuchinhos no Seminário Nossa Senhora Aparecida em 1939
Encontro da Associação Juvenil Esperança e ex-coroinhas dos Capuchinhos
Ginásio do Colégio Santo Antonio em 1968
Formatura do Ginásio do Colégio Santo Antonio em 1966 

Confira outras publicações da coluna Memória
Leia antigos conteúdos do blog Memória  

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros