VÍDEO: Dom José Gislon assume Diocese de Caxias do Sul - Cidades - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Igreja Católica08/09/2019 | 20h12Atualizada em 08/09/2019 | 21h06

VÍDEO: Dom José Gislon assume Diocese de Caxias do Sul

Cerimônia de posse foi realizada na tarde deste domingo

VÍDEO: Dom José Gislon assume Diocese de Caxias do Sul Antonio Valiente/Agencia RBS
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

O 8 de setembro de 2019 teve dupla comemoração para a comunidade católica de Caxias do Sul e região. No dia em que completou 85 anos, a Diocese de Caxias ganhou um novo bispo. Dom José Gislon tomou posse neste domingo (8) em uma cerimônia prestigiada por centenas de pessoas na Catedral, entre religiosos, autoridades e fiéis. Ele é o quinto religioso a comandar a Igreja Católica na Serra.

Leia mais
"Não sou de direita ou de esquerda. A gente tem que dialogar com todos" afirma novo bispo de Caxias
Paraguai é o provável destino de dom Alessandro, que entrega o cargo de bispo de Caxias no domingo 

— Entrego-lhe um povo bom, trabalhador, temente a Deus e devoto da Virgem Maria, mãe de Caravaggio, padroeira da nossa diocese. Entrego-lhe um clero numeroso e disponível em colaborar com o seu ministério junto ao povo que lhe foi confiado — disse dom Alessandro Ruffinoni ao passar a dom José o báculo pastoral do primeiro bispo da diocese, dom José Barea. 

Em sua primeira fala como bispo da Diocese de Caxias, dom José destacou a vocação em amar e servir à comunidade e pediu para que cada um também ame a Deus e ao próximo e que as pessoas tenham Jesus em suas vidas. O bispo, que é o quinto religioso a ocupar o cargo na Diocese, agradeceu aos antepassados que chegaram à região e a tornaram próspera. Falou também sobre o movimento migratório que trouxe à Serra muitas pessoas nas últimas décadas e o desafio de evangelizar em um mundo cada vez mais urbano. 

Aos sacerdotes, pediu união: 

— Não devemos ter medo de nos aproximar e tocar na ferida das pessoas, que também é nossa ferida. Ajudem a amar e servir esse povo com caridade. 

Veja vídeo:

Dom José, que antes de assumir em Caxias, era bispo em na Diocese de Erexim, também recebeu o carinho dos irmãos da agora antiga comunidade. Cleocir Bonetti, vigário-geral de Erexim, usou duas palavras para defini-lo: ternura e vigor. 

— Um bispo exigente, firme, perspicaz, arrojado, sabe onde quer chegar. Um homem sem preguiça, presente na vida da sociedade, porque entende que a Igreja não é alheia a outras instituições. O que dizer de um bispo que acorda bem cedo e depois de cumprir suas responsabilidades, faz um bolo e leva para os colaboradores da cúria às 7h30min? — contou, acrescentando que dom José é um presente de Erexim para a Diocese de Caxias. Coordenador da Pastoral Presbiteral da Diocese de Caxias, Álvaro Pinzetta, deu as boas vindas a dom José e pediu para que oriente seu rebanho sem receio: 

— Escute-nos, observe. Não tenha medo de ser franco. Oriente-nos com ternura e vigor. Seja pai sem deixar de ser, franciscanamente, irmão. 

Leia também
"Levaram presa apenas a travesti", aponta envolvida em briga após o desfile cívico de Caxias do Sul
Vizinho é preso após ser flagrado na janela de menina de 11 anos em Caxias do Sul
Homem é morto a tiros em festa no interior de Farroupilha

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros