Museu a céu aberto é inaugurado no bairro Galópolis, em Caxias do Sul - Cidades - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Memória 18/08/2019 | 20h28Atualizada em 19/08/2019 | 10h07

Museu a céu aberto é inaugurado no bairro Galópolis, em Caxias do Sul

Trajeto contempla 15 pontos históricos, incluindo as antigas casas de Hércules Galló, a Vila Operária e o Lanifício São Pedro

Museu a céu aberto é inaugurado no bairro Galópolis, em Caxias do Sul Fabio Grison/
Lançamento ocorreu em frente à Igreja Nossa Senhora do Rosário de Pompéia, um dos pontos do roteiro Foto: Fabio Grison

Um caminho para conhecer e reconhecer parte da história de um dos bairros mais históricos de Caxias do Sul. Bastante diferente do conceito padrão, o Museu de Território de Galópolis, inaugurado sábado, defronte à Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário de Pompéia, chega para estreitar vínculos comunitários e fomentar o turismo e o empreendedorismo local. 

A partir do mapeamento de 15 pontos elencados com o apoio da comunidade, o "museu a céu aberto" é o primeiro com essa concepção no Rio Grande do Sul. E, não por acaso, teve seu lançamento em 17 de agosto, Dia Estadual do Patrimônio Cultural.

Idealizado pela museóloga Tânia Tonet, falecida em julho de 2018, o projeto começou a tomar forma ainda em 2011, com o início dos trabalhos de recuperação dos antigos casarões pertencentes à família de Hércules Galló, na BR-116. Inaugurados em 2015, como sede do Instituto Hércules Galló, eles agora somam-se aos outros 14 pontos identificados por totens no território do bairro.

Comunidade do bairro e convidados participaram da cerimôniaFoto: Fabio Grison / divulgação

Personagem "raiz" do bairro

Filho de Tânia Tonet e parceiro dela no projeto, Charles Tonet destacou o pioneirismo do trabalho da mãe e seu envolvimento em todo o processo de pesquisa e curadoria, uma paixão da historiadora. Já o presidente do Instituto, o empresário José Galló, emocionou-se ao recordar de seu passado como personagem "raiz" do bairro. Neto de Hércules Galló, ele enumerou os pontos do Museu de Território que fizeram parte de sua infância:

– Eu estudei na Escola Ismael Chaves, eu fui às missas na Igreja Nossa Senhora do Rosário de Pompéia, eu andei pela Praça e pela Vila Operária, eu comprei pão na Cooperativa de Consumo, eu observei muito as águas do Arroio Pinhal e da Cascata Véu de Noiva, eu só não conheci a Árvore das Garças, que apareceu bem depois – brincou. 

Além dos citados, o Museu de Território: O Caminho da História é formado ainda pelos seguintes locais:  Cine Operário, Lanifício São Pedro (Cootegal), Armazém Basso, Casa Straglioto, Círculo Operário Ismael Chaves Barcelos e Sindicato dos Trabalhadores da Fiação e Tecelagem (sede antiga, na BR-116).

José Galló, neto do imigrante italiano Hércules Galló, recordou da infância no bairroFoto: Fabio Grison / divulgação

Leia mais:
Galópolis: um museu a céu aberto
Museu de Território de Galópolis: uma viagem à infância
Museu de Território de Galópolis: um vínculo comunitário  
Instituto Hércules Galló e a família Schenk
Residência da família Spinato em Galópolis   
Martin Schenk no casarão de Hércules Galló 

Totem instalado em frente à Igreja MatrizFoto: Rodrigo Lopes / Especial

Leia mais:
Teatro no Cine Operário de Galópolis em 1947
Para recordar do Cine Operário de Galópolis
Galópolis antiga: no escurinho do cinema
Galópolis e a Cascata Véu de Noiva em 1948  
Bênção da Igreja Matriz de Galópolis em 1947
Fiação e tecelagem: Galópolis e os 75 anos de um sindicato
Edwige Galló no novo prédio do Banrisul em 1952  

Igreja Matriz, Praça Duque de Caxias e Vila Operária compõem o Museu de TerritórioFoto: Rodrigo Lopes / Especial

Leia mais:
Galópolis: uma formatura de corte e costura em 1953
Páscoa em Galópolis: os 50 anos da Operação Cruz
Galópolis: Grupo de Bolão Explosivo em 1945
Escolha da Madrinha do Grupo de Bolão Explosivo em 1959
Galópolis na Festa da Uva de 1954   
Galópolis vista do Morro da Cruz em 1959
Sisto Muner e os antigos fotógrafos de Caxias em livro
Capitel de São Roque: uma tradição de Galópolis
Casarão da família Stragliotto, um símbolo de Galópolis
Família Rigon e os povoadores da Colônia Caxias
A trajetória da professora Ida Matté
Terceira Légua de Caxias em 1939
Exposição Janelas de Galópolis destaca a arquitetura típica do bairro   

Confira outras publicações da coluna Memória
Leia antigos conteúdos do blog Memória   

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros