O Bar Communello na história de Santa Lúcia do Piaí - Cidades - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Memória04/06/2019 | 07h15Atualizada em 04/06/2019 | 07h15

O Bar Communello na história de Santa Lúcia do Piaí

Estabelecimento substituiu um armazém de secos & molhados e o antigo hotel do casal João Communello e Marietina Andreazza Communello

O Bar Communello na história de Santa Lúcia do Piaí Fiorentino Cavalli / Acervo pessoal de Nely Communello Cavalli, divulgação/Acervo pessoal de Nely Communello Cavalli, divulgação
O Bar Communello e a casa da família (à direita), vizinhos à residência do professor e sib-prefeito Luiz Tomazelli (à esquerda), nos anos 1960 Foto: Fiorentino Cavalli / Acervo pessoal de Nely Communello Cavalli, divulgação / Acervo pessoal de Nely Communello Cavalli, divulgação

A terceira e última parte das colunas enfocando as famílias Andreazza, Richetti e Communello, de Santa Lúcia do Piaí, destaca hoje o tradicional Bar Communello, um dos ícones do distrito. 

Conforme pesquisa desenvolvida pelo historiador Éder Dall'Agnol dos Santos, o estabelecimento surgiu no mesmo terreno do antigo casarão de madeira onde por anos funcionou um comércio de secos & molhados e a pousada do casal João Communello e Maria Andreazza Communello, a dona Marietina.

Tradicionalmente conhecido na localidade, muito por sua localização estratégica em frente à praça, o Bar Communello era uma espécie de ponto de encontro dos colonos e agricultores, que se reuniam para momentos de lazer, jogar cartas ou simplesmente tomar um aperitivo. 

Segundo Dall’Agnol, seu Communello permaneceu morando em Santa Lúcia até a metade da década de 1960, quando vendeu a propriedade para o senhor Iseo Bertin e transferiu-se para o bairro Cruzeiro, juntamente com a família — o bar seguiria funcionando, porém rebatizado de Bar Central (foto abaixo).

Leia mais:
Família de João Communello em Santa Lúcia do Piaí
Família Andreazza em Santa Lúcia do Piaí
Santa Lúcia do Piaí: um fotógrafo e um distrito eternizado 

Anos 1970: o Bar Central e a antiga casa da família (à direita). À esquerda, a residência do professor Luiz Tomazelli Foto: Acervo de Nely Communello Cavalli / divulgação

A família

Dos 13 filhos de João e Marietina, a única que permaneceu em Santa Lúcia do Piaí foi a professora Nely Communello, já casada com o fotógrafo Fiorentino Cavalli — posteriormente, nos anos 1980, Nely, Fiorentino e as filhas Maria Lúcia e também mudam-se para Caxias. 

João Communello morreu em 1969, aos 70 anos. A esposa, Marietina Andreazza Communello, faleceu exatamente 30 anos depois, em 1999. Ela tinha 95 anos.

Leia mais:
Santa Lúcia do Piaí pelas lentes de Fiorentino Cavalli 

O senhor Antonio Andreis e a filha Roma em meados dos anos 1960Foto: Fiorentino Cavalli / Acervo pessoal de Roma Andreis, divulgação

Barbeiro e jardineiro 

Na mesma casa de alvenaria do bar, em uma pequena sala sob a escadaria, funcionava a barbearia do morador Antonio Andreis. Conhecido na região por "Toni Sóta", Andreis era bastante amigo da família Communello e trabalhava também como jardineiro, como vemos na imagem acima. 

Captado pelo fotógrafo Fiorentino Cavalli, o bucólico registro traz seu Antonio com a filha Roma Andreis na praça central de Santa Lúcia do Piaí, em meados dos anos 1960.

Abaixo, a família Andreis no Natal de 1967.  A partir da esquerda, Maria Dolores, Leontina, Bernardete, Antonio, Aldo, Paulo, Roma, Altair, Moacir, Divino, Itacir, Iria, Bárbara, Olga e Hélia.  

A família de Antonio e Leontina Andreis no Natal de 1967Foto: Fiorentino Cavalli / Acervo pessoal, divulgação

Magistério e cotidiano

Irmãos da professora Nely Communello Cavalli, Líria, Nuely e Dornélio Francisco Communello também seguiram a carreira no magistério. Na imagem abaixo, de meados dos anos 1950, Nuely aparece defronte ao casarão dos avós, Francisco Andreazza e Júlia Richetti Andreazza, juntamente com um grupo de amigas, entre elas Dirce Zini, Ilse Guerra, Barbara Andreis e Vitalina Bonatto.

Nuely Communello e um grupo de amigas em frente ao casarão dos avós Francisco e Júlia Andreazza, na década de 1950Foto: Fiorentino Cavalli / Acervo pessoal de Nuely Communello, divulgação

Leia mais:
Família Damin e as origens de Santa Lúcia do Piaí
Família de Antonio Damin em Santa Lúcia do Piaí   
Os 60 anos de uma capela-escola em Santa Lúcia do Piaí  

Parceria

Informações desta coluna são uma colaboração do pesquisador e historiador Éder Dall'Agnol dos Santos.

Leia mais:
Origens da família Dall'Agnol
Garimpo fotográfico em solo alemão  
A trajetória do fotógrafo Hugo Neumann
Hugo Neumann e o Largo da Catedral Diocesana em 1965
Origens do Sicredi e do cooperativismo de crédito em Nova Petrópolis  

Confira outras publicações da coluna Memória
Leia antigos conteúdos do blog Memória   

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros