Memória: A evolução da fotografia em processos e suportes  - Cidades - Pioneiro

Versão mobile

 

Caxias antiga27/08/2018 | 07h30Atualizada em 27/08/2018 | 07h30

Memória: A evolução da fotografia em processos e suportes 

Mostra inédita no Arquivo Histórico Municipal antecipa programação do evento "Uma Noite no Arquivo", dia 1º de setembro

Memória: A evolução da fotografia em processos e suportes  Domingos Mancuso / Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami, divulgação/Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami, divulgação
Caxias do Sul, 1910: imagem de Domingos Mancuso destaca a antiga Igreja de Santa Teresa (Catedral Diocesana) Foto: Domingos Mancuso / Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami, divulgação / Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami, divulgação

Antecipando a programação do evento “Uma Noite no Arquivo”, neste sábado (1º de setembro), a instituição sedia desde a última semana a mostra "Processos e Suportes Fotográficos Históricos do Acervo do Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami". Trata-se de uma exposição inédita, enfocando de forma didática os procedimentos técnicos que conduzem à "fabricação" de uma fotografia (os processos) e os sustentáculos materiais da fotografia (os chamados suportes).

Conforme o servidor municipal Mário Tomazoni,  o conhecimento desses processos e suportes contribui para se entender melhor o período e a sociedade que os consumia.

— O objetivo  também é levar à comunidade um pouco da história da fotografia através do acervo documental da instituição — comenta o curador.

Arquivo Histórico Municipal celebra 40 anos
Arquivo Histórico Municipal: um casarão para a história

A mostra inicia-se com os Positivos Diretos, em que a produção de uma imagem única, sensibilizada sobre uma superfície, marca os primeiros momentos da fotografia. Neste contexto, segundo Mário, temos o Ferrótipo, uma imagem produzida sobre uma fina plaqueta de ferro esmaltada com laca preta, popular em finais do século 19 devido a seu baixo custo e sua resistência, em comparação aos negativos de vidro. 

Exemplo disso é a imagem da jovem Aurora Pezzi (abaixo), uma das filhas do imigrante italiano Abramo Pezzi. Datada de 1915, a foto caracteriza-se como um ferrótipo acondicionado em cartão e integra o fundo (doação) da família Gianella.

Leia mais:
Abramo Pezzi, Edifício Dona Ercília e uma esquina recheada de histórias
Praça Dante Alighieri coberta de neve em 1941
Vinícola Adega Pezzi em 1933
Adega Pezzi: uma esquina, muitas mudanças
Busto de Dante Alighieri: um ícone da praça desde 1914 

Aurora Pezzi em 1915: ferrótipo acondicionado em cartão integra a exposição em cartaz no Arquivo HistóricoFoto: Acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami / divulgação

Positivo em placa de vidro

Nos primeiros tempos da fotografia, todo o processo era realizado pelo fotógrafo, no seu estúdio ou em casa, a partir de materiais simples, como vidro e sais de prata. O fotógrafo podia também experimentar: branquear o negativo para produzir um positivo preto e branco em placa de vidro, caso do pioneiro Domingos Mancuso (1885-1942). 

Na imagem que abre a matéria, uma vista de Caxias tomada a partir do nordeste, com destaque para a Igreja de Santa Teresa (Catedral Diocesana), em 1910. Trata-se de um positivo preto & branco direto em vidro (gelatina de prata). 

Conforme o servidor Mario Tomazoni, Mancuso utilizou-se do branqueamento da chapa de vidro para produzir um positivo p&b, que se assemelha a um ambrótipo: a imagem positiva se revela ao ser colocada sobre um fundo escuro (detalhe abaixo).

Positivo p&b direto em vidro datado de 1910Foto: Acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami / divulgação

Programe-se

:: O que: Exposição "Processos e Suportes Fotográficos Históricos do acervo do Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami". A mostra destaca ainda os formatos "Carte de Visite" e "Carte Cabinet" e o suporte postal, a partir de exemplares produzidos pelo Studio Geremia.

:: Quando: até 31 de agosto, de segunda a sexta, das 10h às 16h. Dia 1º de setembro, a partir das 18h, durante o evento "Uma noite no Arquivo".

:: Onde: Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami (Avenida Júlio de Castilhos, 318 – bairro Nossa Senhora de Lourdes). Fone: (54) 3901.1318.

:: Quanto: entrada franca.

Mostra está em cartaz no Arquivo Histórico Municipal até sábado, dia 1º de setembroFoto: Mário Tomazoni / divulgação

Leia mais:
Rua Guia Lopes no Boletim Eberle em 1958
Domingos e Reno Mancuso: as antigas agências bancárias de Caxias
Lanifício Gianella em imagens e lembranças

Confira outras publicações da coluna Memória
Leia antigos conteúdos do blog Memória  

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros