Evento promove abraço a casarão histórico e passeio ciclístico em Caxias neste sábado - Cidades - Pioneiro

Versão mobile

 

Patrimônio17/08/2018 | 20h06Atualizada em 17/08/2018 | 20h06

Evento promove abraço a casarão histórico e passeio ciclístico em Caxias neste sábado

Programação lembra o Dia Nacional do Patrimônio Histórico

Evento promove abraço a casarão histórico e passeio ciclístico em Caxias neste sábado Roni Rigon/Agencia RBS
Foto: Roni Rigon / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

Caxias do Sul oferece, neste sábado, uma oportunidade divertida para quem quer conhecer um pouco mais da história da cidade. Na tarde de sábado, data em que é celebrado o Dia Nacional do Patrimônio Histórico, o Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) promove um abraço à Casa Finco, imóvel centenário que fica na Avenida Júlio de Castilhos, ao lado da Igreja do Santo Sepulcro, no bairro Lourdes. 

Leia mais
Mesmo tombados, prédios históricos de Caxias do Sul correm o risco de desaparecer
Justiça analisa reforma da Catedral de Vacaria
Antônio Prado, a cidade mais italiana do Brasil, luta para manter seu patrimônio histórico

O bem é tombado pelo patrimônio histórico da cidade, mas está em péssimas condições e é alvo frequente de vandalismo. 

— A ideia é celebrar a data em várias cidades simultaneamente, abraçando algo que desejamos ver preservado, recuperado — explica a arquiteta Sílvia Scapin Nunes, presidente do núcleo do IAB em Caxias. 

De acordo com Sílvia, a proposta é conhecer um pouco mais sobre o casarão histórico e debater sobre as dificuldades de manutenção do local. 

— Vai ser um bate-papo informal. Vamos falar da importância do patrimônio e também das implicações do tombamento, que é um instrumento importante, mas às vezes os proprietários não têm condições de manter o imóvel naquele regramento e ele acaba ficando depredado — aponta.

Após o debate no casarão, o projeto Memória Sobre Rodas propõe um passeio até a Casa de Pedra, no bairro Santa Catarina, passado por outros pontos históricos no caminho, como o antigo Lanifício Gianella. A Casa de Pedra está sediando uma exposição fotográfica que mostra as transformações no espaço ao longo dos anos e ali ocorrerá outra conversa sobre a história daquela parte da cidade.

— Queremos chamar a atenção para esse tema e ser um dia para estar olhando para o nosso patrimônio cultural e falando um pouquinho sobre ele. Às vezes a gente acaba perdendo esses espaços (históricos), quando não há capacidade de preservar o patrimônio. Por outro lado, estamos em um momento em que as pessoas estão pensando isso mais criticamente. Estamos fazendo várias discussões sobre até que ponto a gente pode colaborar com a cidade, entendendo as novas necessidades da cidade. 

O Dia Nacional do Patrimônio Histórico foi instituído em 1998, ano em que o primeiro presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), do historiador e jornalista mineiro Rodrigo Melo Franco de Andrade, completaria 100 anos. 

PROGRAME-SE
Caxias abraça seu patrimônio
:: Onde
: Casa Finco, na Avenida Júlio de Castilhos, bairro Lourdes (ao lado da Igreja do Santo Sepulcro). Após, haverá um passeio de bicicleta até a Casa de Pedra pelas ruas Vinte de Setembro e Matteo Gianella, num percurso de quatro quilômetros.
Quando: sábado, das 15h às 17h.
Informações: no Facebook, no evento "Caxias abraça seu patrimônio - Casa Finco".

Leia também
PRF usa drone para flagrar imprudências na BR-116, em Caxias
Prefeitura de Caxias estuda incluir prazo para conserto de calçadas no Código de Posturas

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros