Um quarto dos médicos nomeados pela prefeitura de Caxias não assumiu vaga neste ano - Cidades - Pioneiro

Versão mobile

 

SUS07/05/2018 | 13h57Atualizada em 07/05/2018 | 13h57

Um quarto dos médicos nomeados pela prefeitura de Caxias não assumiu vaga neste ano

Dos 93 chamados para o serviço público, 55 estão com processo de contratação em andamento

Um quarto dos médicos nomeados pela prefeitura de Caxias não assumiu vaga neste ano greve dos médicos,greve 2017,saúde 2017,greve dos médicos caxienses 2017,ubs cinquentenário/Agencia RBS
Conforme levantamento da prefeitura feito no mês passado, 31 dos 47 postos de saúde têm falta de médicos Foto: greve dos médicos,greve 2017,saúde 2017,greve dos médicos caxienses 2017,ubs cinquentenário / Agencia RBS

Dos 93 médicos nomeados neste ano para trabalhar na rede pública de saúde de Caxias do Sul, 25 não assumiram as vagas. Isso significa que um quarto decidiu não atuar no serviço público. A nomeação mais recente foi na sexta-feira (4). Nesta segunda-feira (7), começou a contar o prazo de 15 dias para que os profissionais manifestem interesse nas vagas.

Foram chamados 20 médicos para atuação de 12 horas por semana. Eles se somam a outros 35 profissionais da área também com processos de contratação em andamento. Mas ainda não existe garantia de que todos serão efetivados, já que parte deles pode não demonstrar interesse.

Além disso, o período para contratação pode ser longo. Do momento em que são chamados até o que assumem, pode demorar até um mês e meio. Além dos 15 dias iniciais para se apresentarem, eles podem pedir prorrogação para aceitar ou não a vaga por mais 15 dias. Depois, os nomeados têm outros 15 dias para começar a trabalhar.

Conforme levantamento da prefeitura feito no mês passado, 31 dos 47 postos de saúde têm falta de médicos.

Nomeações para outras vagas

Outros cargos também tiveram nomeações publicadas no Diário Oficial do Município na sexta-feira: agente administrativo, auxiliar de infraestrutura, eletricista, fiscal municipal, motorista, nutricionista, técnico em análises clínicas e técnico em enfermagem.

Leia mais
Possível falta de diálogo entre a prefeitura de Caxias e o governo estadual pode trazer prejuízo aos cofres públicos
Serra gaúcha tem, pelo menos, 65 pré-candidatos a deputado estadual e federal   

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros