Com bolo de aveia e pastelão de frango, família Perottoni comemora a coroação da rainha da Festa da Uva 2019 - Cidades - Pioneiro

Versão mobile

 

Soberana20/05/2018 | 14h08Atualizada em 21/05/2018 | 13h57

Com bolo de aveia e pastelão de frango, família Perottoni comemora a coroação da rainha da Festa da Uva 2019

Maiara Perottoni, 26 anos, representou a Festa do Vinho Novo de Forqueta no concurso ocorrido na noite de sábado

Com bolo de aveia e pastelão de frango, família Perottoni comemora a coroação da rainha da Festa da Uva 2019 Felipe Nyland/Agencia RBS
Maiara com o noivo, Édipo, e os pais, Gesmari e Ademir Perottoni, na residência da família em Forqueta, interior de Caxias Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Não é que dona Gesmari Perottoni, 55, tivesse certeza de que a mais velha das três filhas seria coroada rainha da Festa da Uva 2019. Mas por via das dúvidas, sabendo que desde os tempos de escola Maiara nunca ficou de fora do trio vencedor de nenhum dos concursos que disputou, ainda na sexta-feira preparou suas duas receitas mais célebres para o café da manhã comemorativo na casa da família, construção em madeira tão simples quanto aconchegante numa rua sem saída em Forqueta, interior de Caxias do Sul. O bolo de aveia com leite condensado e o pastelão de frango, acompanhados de pão, cuca, copa, salame, queijo e chimia foram servidos por volta das 10h deste domingo, pouco mais de três horas após terminar a festa que a comunidade preparou para receber a soberana, com risoto, vinho e cantigas italianas.

 Leia mais:  
Maiara Perottoni é a nova rainha da Festa da Uva
Entre muitos planos, princesa Milena Remus Caregnato quer mostrar a garra e a determinação da mulher de Caxias
Saiba quais foram as torcidas vencedoras no evento de escolha da Festa da Uva
Os dois lados da coroa: histórias de quem perdeu e ganhou o concurso de rainha da Festa da Uva 

Com a maquiagem devidamente retocada, só a voz um pouco rouca denunciava em Maiara, 26, a comemoração que iniciou pouco depois da meia-noite, quando ouviu seu nome ser anunciado pelo ator e embaixador da Festa, Tiago Lacerda, no palco montado nos Pavilhões. A ideia era fazer uma carreata pelo bairro que em 2015 a consagrou rainha da Festa do Vinho Novo, mas os 5ºC fizeram a vizinhança preferir uma reunião literalmente mais calorosa, num salão próximo à igreja. À mesa, a soberana contou ter trocado abraços apertados com pessoas fundamentais na sua trajetória, especialmente seus professores e professoras. A estudante de Nutrição sabe que o conhecimento é tão ou mais fundamental que a beleza no concurso.  

— Eu sentia que estava preparada. Se esperava ganhar? Sim e não. Mas desde a Festa do Vinho Novo eu sabia da oportunidade de concorrer à Festa da Uva, então nunca deixei de estudar e me atualizar. Todas as candidatas tiveram uma preparação muito forte, mas para mim foi tudo bastante natural, por já ter visto boa parte do conteúdo que nos foi passado. Quando anunciaram as princesas, já comecei a pensar na questão da altura, se a minha combinaria com a delas (risos). Mas no fundo já sentia uma energia muito positiva — destaca a rainha.

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL 20/05/2018Tomamos café da manhã na casa da família da nova Rainha da Festa da Uva, Maiara Perottoni, com os seus pais, Ademir e Gesmari Perottoni, e o noivo, Édipo Stirle. A família mora em Forqueta, no interior de Caxias do Sul. (Felipe Nyland/Agência RBS)
A rainha veste a coroa no seu quarto, revivendo a emoção da noite anterior, nos Pavilhões da Festa da UvaFoto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Para o pai, Ademir Perottoni, 54, caminhoneiro, e o noivo, o produtor rural Édipo Stirle, 29, foi o sorriso e a confiança com que Maiara chegou em casa na noite de sexta-feira, após uma maratona de entrevistas com os 11 jurados do concurso, que deram a certeza de que a embaixatriz estaria no trio vencedor. 

— A gente está junto há 10 anos e eu posso dizer que nunca vi ela tão feliz. Nem mesmo depois da escolha, porque naquele momento é mais emoção. Mas alegria mesmo foi na sexta-feira, quando ela disse que tinha ido bem nas entrevistas — confidencia o noivo. 

Após ter saído à porta para receber um buquê de flores de uma das empresas que representou no concurso (além da Festa do Vinho Novo, ela desfilou pelos Supermercados Andreazza e pela Lorigraf), Maiara se inteira do assunto e esclarece:

— Sabes quando uma conversa flui porque as pessoas te fazem sentir leve? Foi o que aconteceu na entrevista. Porque da mesma forma que é importante para o turista que tu saibas dizer o que Caxias tem a oferecer, qual é a história dessa cidade e de onde vem o amor que tu demonstra por ela, também é o que interessa aos jurados. A Festa da Uva é muito mais sobre cultura e envolvimento do que sobre ser uma pessoa bonita e que desfila bem. Se eu não tivesse uma bagagem anterior, faltaria alguma coisa.

Tataraneta de Arthur Perottoni, que em Forqueta ajudou a fundar a primeira cooperativa vitivinícola da América Latina, em 1929, Maiara não deixa os convidados irem embora sem conhecer o diário de Arthur, cujas frases sobre família, fé e trabalho estão bordadas no vestido usado no desfile de sábado (o traje é assinado por Carolina Potrich, Fabiane Montemezzo, Fabrício de Prá e Gabriela de Prá). Mais do que uma relíquia, é o símbolo da ligação umbilical dos Perottoni com Caxias do Sul e com a Serra. 

— Gosto de dizer que eu carrego uma homenagem, não um vestido — define. 

Apegada às raízes, Maiara já decidiu que irá aprender italiano, aproveitando o curso de idiomas que recebeu como prêmio. É a mesma escolha das duas princesas, Milena Caregnato e Viviane Gaelzer. Se tudo der certo, viajarão para a Itália juntas. 

 Leia Também
Saiba quem são os 11 jurados que vão eleger a próxima rainha da Festa da Uva
Presidente da Festa da Uva e prefeito de Caxias discursam em evento   
Confira o cardápio dos Pavilhões da Festa da Uva
A coroação de marcas na Festa da Uva Escolha da rainha e princesas da Festa da Uva é uma amostra para 2019
Ajude a escolher os nomes dos personagens da Festa da Uva 


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros