Residência médica amplia número de profissionais de saúde em Farroupilha - Cidades - Pioneiro

Versão mobile

 

SUS12/03/2018 | 09h06Atualizada em 12/03/2018 | 09h06

Residência médica amplia número de profissionais de saúde em Farroupilha

Reforço será no posto de saúde do bairro São José e no CAPS I

Residência médica amplia número de profissionais de saúde em Farroupilha Marcello Casal Jr. / Agência Brasil/Agência Brasil
Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil / Agência Brasil

Profissionais de Medicina e da área da saúde passarão a atuar nesta segunda-feira em Farroupilha por conta de uma parceria firmada pela Secretaria Municipal da Saúde com o governo do Estado. O convênio da prefeitura com a Escola de Saúde Pública, um Centro de Educação e Pesquisa em Saúde da Secretaria Estadual da Saúde, vai reforçar o atendimento da cidade com profissionais que permanecerão dois anos no município.

O reforço será no posto de saúde do bairro São José e no Centro de Atenção Psicossocial do tipo I (CAPS I) no bairro Imigrante. No bairro São José, a residência será na especialidade de  medicina de família e comunidade com um médico, um enfermeiro, um fisioterapeuta e um psicólogo. Na área de saúde mental no Imigrante, um psicólogo vai atuar no Caps 1.

De acordo com a secretária municipal da saúde, Rosane da Rosa, a intenção é expandir o convênio para outras área como Odontologia para o próximo ano.

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros