Memória: uma brincadeira para despertar as lembranças de Caxias - Cidades - Pioneiro

Versão mobile

 

Caxias antiga12/03/2018 | 07h30Atualizada em 12/03/2018 | 09h05

Memória: uma brincadeira para despertar as lembranças de Caxias

Se diz cria de Caxias, mas...

Memória: uma brincadeira para despertar as lembranças de Caxias Roni Rigon/Agencia RBS
Caxias do Sul, 1997: o antigo calçadão da Praça Dante e vários outros pontos do Centro despertaram as lembranças dos leitores Foto: Roni Rigon / Agencia RBS

Pegando carona na brincadeira quem vem agitando o Facebook, o Pioneiro também quis saber o quão caxienses os leitores são. Ao completar a frase “Se diz cria de Caxias, mas...”, moradores “de raiz” ou não recordaram de lugares, épocas, comportamentos e jeitos de ser típicos daqui. Desde sexta-feira, foram mais de 1,5 mil comentários, alguns deles reproduzidos abaixo. 

Se diz cria de Caxias, mas...

... nunca passeou para ver as vitrines do Varejo do Eberle e da Livraria Saldanha.

... não sabe que a Sinimbu tinha mão dupla entre a BR-116 e a Treze de Maio.

... nunca desceu a escadinha do Rempa Taco.

... nunca tirou foto no cavalinho em frente ao chafariz da praça.

... nunca gazeou aula no Cristóvão para comer batata frita no Prataviera.

... não sabe quem foi o Tio da Casquinha.

... não conheceu o Manhattan e o Bailão Caxias.

... nunca fez compras no Calcagnotto e Super Cesa.

...  não sabe o que é sair de japona de manhã porque tá frio, e à tarde tá só de camiseta de manga curta. 

... nunca deixou currículo na fábrica de caixão do Panazzolo.

... nunca fez Lid e Metrologia pelo Senai.

... não pegou Visate no paradão da Catedral. 

... nunca comeu o xis da Gringa.

... nunca foi andar de escada rolante nas Brasileiras ou comer uma fatia de torta na padaria América.

... nunca veraneou em Arroio do Sal e Areias Brancas.

...não viu o choque que o Lasier levou na Festa da Uva.

... nunca namorou atrás do Imigrante. 

... nunca foi jogar bananas para os macacos do Parque dos Macaquinhos.

...nunca frequentou o Coliseu.

... nunca foi com a mãe no Pastifício ou passou na frente e sentiu cheiro de bolacha. 

... não sabe onde fica o antigo Baralhos Pinguim.

... nunca pegou o Visate e pagou com a ficha laranja.

... não tomava a água vermelha do chafariz de caneca, em época de Festa da Uva achando que era vinho.

... nunca andou no ônibus do Caxiense Romeu e Julieta.

... nunca comprou frango com polenta no Ópera.

... nunca ouviu falar no Armarinhos Caxias.

... nunca tomou um sundae no "Enquanto Isso", depois de comprar uma carteira da Murfy's no Dedão do Fedrizzi.

... nunca comprou material escolar no Bazar Nair ou uma boneca no Mundo dos Plásticos.

... não abasteceu o carro no posto embaixo da igreja São Pelegrino.

... nunca tirou foto na estátua de cobra da UCS.

... nunca jogou no ginásio do Pedro Carneiro Pereira.

... não sabe onde ficava o Pereirão.

... nunca trocou ficha de ônibus por pastel na escola.

... nunca roubou uva nos parreirais das colônias quando era adolescente.

... nunca foi no Incitatus no domingo de tarde (Happy Sunday).

... nunca entrou no Galpão Gaúcho após social no Paiol.

... nunca comeu xis no trailer do Komilão. 

...  nunca desfilou no bobódromo da Júlio no domingo de tarde.

... nunca comeu um xis no Papatutti dentro do carro com a bandeja pendurada no vidro.

... não sabe que a prefeitura era no museu, do lado do Presidente Vargas.

... nunca vibrou com a carreata do Papai Noel do supermercado Calcagnotto.

... nunca assistiu a um filme dos Trapalhões no Ópera.

... nunca foi comer bolo de graça no aniversário da cidade.

... nunca foi no antigo Bafão depois de sair das festas, nem dançou no queijinho.

... nunca tomou enquadro da Brigada no Parque dos Macaquinhos. 

... nunca comprou nas lojas HM.

... não viu a prefeitura pegar fogo (fogo de verdade!)

... não faz rancho com cheque pré-datado a perder de vista no Andreazza.

... nunca comeu um xis do Miguel na esquina do Vintever. Não sabe o que é Vintever? Então não é de Caxias mesmo!

... nunca trabalhou na Randon ou Marcopolo.

... nunca fez passeio da escola na Casa de Pedra e ficou super curioso para conhecer o urinol.

... não sabe que a Festa da Uva era lá onde é a prefeitura hoje.

... não conheceu o parquinho com chão de areia da Praça Dante.

... nunca se enrolou nos panos do Magnabosco.

... nunca trocou uma ficha de passagem da Visate por um churros.

... não sabe onde era a rodoviária velha.

... nunca foi no Amadeus quando era na Sinimbu ou nunca foi na Danceteria Gabiano ou no Carnaval da Mosteiro.

... não participou do abraço ao Cine Ópera.

... nunca foi em rodízio de pizza e comeu até não aguentar mais.

... não sabe aonde fica a curva da zona.

... nunca torceu para o Flamengo na Baixada Rubra.

... nunca assistiu uma missa rezada pelo padre Giordani na igreja São Pelegrino.

... nunca tomou uma cerveja na pensão da Olga.

... não lembra do apito da Gethal.

... nunca assistiu a um desfile da Festa da Uva sentado na sarjeta nos anos 70.

... não conheceu a arara do Super Cesa.

... nunca andou no Visatão no último domingo do mês. 

... nunca foi no Forum Espaço Bar esperar o telefone tocar na mesa.

... nunca comeu os retalhos de bolacha do Pastifício.

... não sabe o que era o Le Bateu (Le Baxô).

... nunca soltou um "porco dio". 

... nunca fez rancho no Zarech.

... não conheceu o Frei Ambrósio, da igreja dos Capuchinhos.

... nunca cantou no programa da tia Susi no canal 8. 

... nunca se encheu de pulgas assistindo filme no Cine Real.

... nunca foi comer pizza no Ponto de Vista.

... não frequentou o Mocó da Clarabela.

... nunca comprou LP na Central Discos e na Piff.

... nunca assistiu luta livre do Fantomas no Pedro Carneiro Pereira

... não assistiu show no Teatro de Lona.

... nunca comprou uma TV 16, sem controle remoto no consórcio da JH Santos em 24 meses.

... nunca faz a pergunta "de que família tu é?"

... nunca tomou um sorvete na Glut's do calçadão.

... não sabe o que era o medo de passar no Catiguá de madrugada.

... nunca tirou foto nos leões do parque Cinquentenário.

... não pede para prensar o xis.

... não conheceu a formiguinha do Caixa de Fósforo.

... não sabe o que é o Caixa de Fósforo.

... não nasceu no Pompéia.

Cartão postal da Praça Rui Barbosa (atual Praça Dante Alighieri), tendo ao fundo o Edifício Muratore (popularmente conhecido como caixa de fósforo).
O Caixa de Fósforo, primeiro arranha-céu de Caxias, em meados dos anos 1960Foto: José Guinart / Acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami,divulgação
Edifício Caixa de Fósforo, com a clássica propaganda da caderneta de poupança fin-hab, com a formiguinha, nos anos 1970 e 1980.
A formiguinha do Caixa de Fósforo, um ícone do Centro.Foto: Acervo pessoal de Valdir Kaiser / divulgação

Confira outras publicações da coluna Memória
Leia antigos conteúdos do blog Memória   

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros