Memória: Raul Randon e uma vida para recordar - Cidades - Pioneiro

Versão mobile

 

Caxias antiga09/03/2018 | 07h30Atualizada em 09/03/2018 | 09h11

Memória: Raul Randon e uma vida para recordar

Às vésperas das missas de sétimo dia, recordamos de momentos marcantes da vida do empresário

Memória: Raul Randon e uma vida para recordar Studio Geremia / Acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami, divulgação/Acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami, divulgação
A família em 1949: Raul Randon (sentado à esquerda) com os pais, Elisabetha e Abramo, e os irmãos Hercílio, Zilá, Isolda e Beatriz (a menina ao centro) Foto: Studio Geremia / Acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami, divulgação / Acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami, divulgação

Às vésperas das missas de sétimo dia do falecimento de Raul Randon, a coluna presta sua última homenagem resgatando imagens emblemáticas da trajetória do empresário. Entram aí flagrantes da juventude, bailes, fotos em família, com os pais e irmãos, os primórdios da fábrica, o namoro com dona Nilva, enfim, momentos da vida privada, mas que se entrelaçam com a história de Caxias do Sul e de milhares de pessoas ao longo do século 20.

As missas:

:: Sábado (dia 10), às 18h, na Igreja do Pio X
:: Domingo (dia 11)
, às 17h, na Igreja São Pelegrino
:: Segunda (dia 12), às 19h, na Catedral Diocesana 

Leia mais:
O casamento de Raul Randon e dona Nilva em 1956
Comoção marca a missa de despedida de Raul Randon

Raul (de boina, à direita) e o irmão Hercílio Randon dirigindo um Ford T, com os amigos Orestes Parenza e Silvestre Corso, nos anos 1950Foto: Acervo de família / Editora Belas Letras, divulgação
O jovem Raul Randon em Praia Azul, em 1951Foto: Acervo de família / Editora Belas Letras, divulgação
Os namorados Raul Randon e Nilva D' Agostini, no interior de Caxias, em 1955Foto: Acervo de família / Editora Belas Letras, divulgação
Raul e Nilva durante uma festa junina em 1957, no Recreio CruzeiroFoto: Acervo de família / Editora Belas Letras, divulgação
Raul Randon (à esquerda) com Ivo Scotti e Valtoir Perini em frente à antiga Mecânica Randon, na Rua Matteo Gianella, nos anos 1960Foto: Acervo de família / Editora Belas Letras, divulgação
Raul Randon e Nilva com o casal Delfino e Lourdes D'Agostini durante um passeio na nova ponte sobre o Rio das Antas, nos anos 1960 Foto: Acervo de família / Editora Belas Letras, divulgação

Parceria

Agradecimento especial à Editora Belas Letras pela cedência das imagens. As fotos constam na biografia "Os Olhos de Quem Vê", de Tania Tonet, Charles Tonet e Diogo Osório Coelho, lançada em 2009.

Confira outras publicações da coluna Memória
Leia antigos conteúdos do blog Memória   


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros