Prefeitura de Caxias revoga edital para gestão compartilhada do Postão 24H - Cidades - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Saúde22/12/2017 | 20h40Atualizada em 22/12/2017 | 21h00

Prefeitura de Caxias revoga edital para gestão compartilhada do Postão 24H

Decisão foi tomada após Conselho Municipal de Saúde se posicionar contra a medida nesta semana

Prefeitura de Caxias revoga edital para gestão compartilhada do Postão 24H Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

A prefeitura de Caxias do Sul suspendeu o edital que selecionou uma entidade para administrar o Pronto-Atendimento 24 Horas (Postão) em 2018. Conforme nota divulgada pelo município na noite desta sexta-feira (22), a decisão foi tomada para acatar a votação realizada pelo Conselho Municipal de Saúde nesta semana, que decidiu contra a gestão compartilhada da unidade em reunião na quarta-feira (20).

Leia mais
Prefeitura de Caxias do Sul diz que houve "demora proposital" nos atendimentos do Postão 24H

De acordo com a secretária da Saúde de Caxias, Deysi Piovesan, a decisão inviabiliza o programa UBS+, que previa o fortalecimento da rede básica de saúde da cidade.

— Foi feito um programa muito consistente, que visava fortalecer a rede. Ele está muito bem amarrado e tem também como objetivo ser aplicado neste contexto de Caxias do Sul, com sérios limites financeiros. Infelizmente, acho que se considerou o interesse de uma parcela da comunidade em detrimento da população como um todo — lamenta. 

Conforme a secretária, não há condições de aplicar o programa sem a gestão compartilhada do Postão, conforme recomendado pelo Conselho.

— Temos que reestudar, repensar financeiramente. Era um programa que poderia entrar em operação num curto espaço de tempo. Teremos que rever isso e ver quais os prejuízos ficam para a nossa proposta. 

O reforço da rede de saúde da cidade seria possível por meio da transferência dos 265 profissionais do Postão para as unidades básicas de saúde, segundo Deysi. A proposta de compartilhar a gestão do Pronto-Atendimento sem o parecer do Conselho de Saúde, porém, já era criticada por vereadores e pelo Sindicato dos Servidores Municipais de Caxias (Sindiserv). A secretária diz que não esperava pelo posicionamento do Conselho.

— Não imaginávamos que, frente a um benefício tão grande para a população, as pessoas não fossem entender. O projeto é bom e retoma o SUS (Sistema Único de Saúde) na sua íntegra. Acreditávamos que teríamos o reconhecimento da importância disso, pelo Conselho de Saúde e a população, por serem os maiores interessados no bom funcionamento das UBS — defende.

A entidade que administraria o Postão a partir de março de 2018 já havia sido escolhida. O processo licitatório estava em fase de análise dos recursos protocolados por parte das outras organizações concorrentes.

Leia mais
Câmara de Vereadores entrega nova notificação de denúncia de impeachment de prefeito de Caxias do Sul
Divisão de Patrimônio avaliará pintura do chafariz da Praça Dante, em Caxias



 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros