Celebração em Flores da Cunha comemora 500 anos da Reforma Luterana  - Cidades - Pioneiro

Religião27/10/2017 | 10h25Atualizada em 27/10/2017 | 10h25

Celebração em Flores da Cunha comemora 500 anos da Reforma Luterana 

Haverá culto, almoço e palestras sobre o sesquicentenário da data

Celebração em Flores da Cunha comemora 500 anos da Reforma Luterana  Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

Movimentos de todo o país comemoram neste final de semana os 500 anos da Reforma Protestante. Na Serra, uma celebração deve reunir cerca de mil fiéis da Igreja Evangélica Luterana do Brasil no domingo, em Flores da Cunha. Haverá culto, almoço e palestras sobre o sesquicentenário da data. 

— A Reforma aconteceu no século XVI com Martinho Lutero. Conforme a história, ele entrou para um mosteiro por medo da condenação. No mosteiro, ele teve acesso à escritura sagrada e viu que a Igreja Católica da época praticava coisas que não condiziam com a palavra de Deus, como,  por exemplo, as indulgências, que eram a venda do perdão. E foi neste momento que começou a revolução da Reforma Luterana, que deu origem à nossa igreja — explica o pastor Alisson Jonathan Henn, da Congregação da Paz, de Caxias do Sul.

Leia mais
Mais conhecido Papai Noel de Caxias do Sul está de mudança para Gramado
UCS muda modelo tradicional de ensino e reestrutura cursos de graduação
Merendeira de Bento Gonçalves é uma das campeãs de concurso nacional de alimentação escolar

Segundo o pastor, a Igreja Luterana do Brasil está em Caxias há mais de 70 anos. São três congregações que existem na cidade: a da Paz, localizada na Avenida Júlio de Castilhos, bairro São Pelegrino; a Trindade, no bairro Eldorado, e a Concórdia, que fica no bairro Panazzolo. Ao todo, são quase 2 mil fiéis no município.

Na Congregação da Paz, os luteranos se reúnem aos sábados e aos domingos para os cultos. Durante a semana, são realizados os departamentos, que consistem no estudo da palavra de Deus e são divididos por grupos. Há o departamento dos leigos e casais, das servas e de assistência social. Neste último, os participantes fazem ações de solidariedade, como a Margarida do Amor. A iniciativa beneficia de 15 a 20 famílias mensalmente com cestas básicas. 

— Desenvolvemos uma margarida simbólica e, em cada pétala, escrevemos um ingrediente da cesta. Todos os meses, os voluntários tiram uma destas pétalas e contribuem com arroz, azeite, feijão e assim por diante. São famílias da nossa comunidade que precisam dessa ajuda — explica o pastor.

A Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB) também está incluída nas comemorações de 500 anos da Reforma Protestante. A igreja desta comunidade fica na Rua Dr. Montaury, no bairro Exposição, em frente ao Parque dos Macaquinhos. 

Conforme o pastor Alisson Jonathan Henn, a diferença entre as duas igrejas luteranas se deve principalmente à origem e a algumas doutrinas. A Igreja Evangélica Luterana do Brasil partiu dos Estados Unidos, enquanto a IECLB surgiu na Alemanha.

SERVIÇO
O que: comemoração dos 500 anos da Reforma Luterana.
Onde: Parque da Vindima, em Flores da Cunha.
Quando: domingo, a partir das 10h.
Atividades: culto, almoço e palestras.
Informações: 98122-2173, com pastor Alisson.


 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros