Beatificação do padre João Schiavo ocorre sábado em Caxias do Sul - Cidades - Pioneiro

Religiosidade27/10/2017 | 10h36Atualizada em 27/10/2017 | 10h38

Beatificação do padre João Schiavo ocorre sábado em Caxias do Sul

O evento começa às 10h, nos Pavilhões da Festa da Uva

Beatificação do padre João Schiavo ocorre sábado em Caxias do Sul Roni Rigon/ Agência RBS/
Foto: Roni Rigon/ Agência RBS
Pioneiro
Pioneiro

A cerimônia de beatificação do padre João Schiavo será realizada sábado, em Caxias do Sul. O evento começa às 10h, nos Pavilhões da Festa da Uva. A celebração será presidida pelo cardeal italiano Angelo Amato, que é prefeito da Congregação das Causas dos Santos e representa o papa Francisco.

Na região de abrangência da diocese, que compreende 74 municípios, são organizadas diversas caravanas para participar do evento, para o qual são esperadas cerca de 15 mil pessoas de todo o Brasil e do Exterior. Do Chile e da Argentina, onde há a presença dos Josefinos e Murialdinas, chegarão 160 pessoas, além de 34 devotos do Equador e da Itália, mais um grupo de 31 pessoas, incluindo nove parentes de Schiavo. 

O rito da beatificação será composto pelos seguintes atos: o bispo dom Alessandro Ruffinoni, em nome de todos os bispos presentes, pede ao cardeal Angelo Amato que o padre João seja inscrito como beato. Depois, segue-se uma breve apresentação do religioso. Na sequencia, ocorre o ponto alto da celebração, com a leitura da Carta Apostólica em duas línguas (latim e português), assinada pelo Papa Francisco, proclamando Schiavo Bem-Aventurado. Ao fim, ocorre o descerramento da imagem que retrata o novo beato na glória de Deus. A cerimônia chega ao fim com a procissão de uma relíquia do beato, que será exposta no altar, para ser incensada e venerada.

Leia mais
Celebração em Flores da Cunha comemora 500 anos da Reforma Luterana 
Mais conhecido Papai Noel de Caxias do Sul está de mudança para Gramado
Merendeira de Bento Gonçalves é uma das campeãs de concurso nacional de alimentação escolar

Nascido na Itália, João Schiavo chegou ao Brasil em 1931, por Jaguarão, no sul do Estado. De lá, seguiu para Ana Rech, em Caxias do Sul, onde reencontrou seu irmão, Ermenegildo Schiavo, também religioso Josefino. No município, foi o primeiro mestre de noviços da missão Josefina no Brasil, atuou como professor e diretor de escolas, fundou o Seminário Josefino de Fazenda Souza e iniciou o primeiro grupo das Irmãs Murialdinas no Brasil, entre outras obras. 

O religioso morreu em 1967 já com fama de santo. Desde então, sua sepultura, atualmente no interior de uma capela que leva o seu nome, em Fazenda Souza (inaugurada em 2015), é local de orações e peregrinações. Por sua intercessão são atribuídas muitas graças, até mesmo para fora do Brasil. A cura do aposentado Juvelino Carra, em 1997, foi reconhecida pela Igreja como o primeiro milagre do religioso.

Após a cerimônia de amanhã, o religioso poderá ser cultuado nas dioceses onde nasceu e morreu e também nas casas da congregação em que atuou. A causa, porém, não se encerra com a beatificação. O terceiro e último passo, segundo a atual legislação canônica, é a comprovação de um segundo milagre para a canonização, que deve ter ocorrido após a beatificação. Comprovado este milagre em fase diocesana e romana, o beato é canonizado e o novo santo passa a ser cultuado universalmente. 

SERVIÇO
O quê: beatificação do padre João Schiavo
Quando: sábado, às 10h. A entrada é liberada no local desde as 8h.
Onde: Pavilhão 2 do Parque de Eventos Festa da Uva, em Caxias do Sul.
Entrada: gratuita. O estacionamento custará R$ 10 (automóveis) e R$ 25 (ônibus).
Transporte: a Visate colocará linhas especiais do transporte para o trajeto Centro/Pavilhões, a partir das 8h. A saída  será em frente à Escola Estadual Presidente Vargas, na Rua Visconde de Pelotas, com retorno Pavilhões/Centro, a partir do meio-dia.
Infraestrutura: haverá venda de lanches, suvenires, atendimento ambulatorial e distribuição gratuita de água.
Transmissão: a celebração será transmitida ao vivo para todo o território nacional pela Rede Vida. Entrarão em cadeia para a transmissão a UCS TV (canal 15 da Net e 27 do sinal aberto) e suas repetidoras na região (com reprise às 19h30min), a Canção Nova e a TV Nazaré (cobertura Norte, Nordeste e Centro-Oeste). 

Outros destaques da programação

Sábado à tarde

Às 16h, na capela onde está o túmulo do padre João Schiavo, em Fazenda Souza, será celebrada uma missa em espanhol para um grupo de devotos que virá do Chile e da Argentina.

Domingo

Será realizada uma missa de ação de graças, às 10h, na capela padre João Schiavo, de Fazenda Souza. Ônibus da empresa Ozelame sairão de Caxias do Sul das seguintes paradas: Escola Presidente Vargas, às 8h45min; Paróquia Murialdo, às 9h; e Monumento Imigrante, voltando após o almoço. Informações: 99138-5481.

Ao meio-dia, ocorrerá um almoço no salão paroquial de Fazenda Souza. Os ingressos custam R$ 20 (adultos) e R$ 10 (crianças). Mais informações pelos telefones 99632-4152, 98128-6584 e 98148-4515.

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros