"Natal vem perdendo força em Caxias há 15 anos", diz historiadora - Cidades - Pioneiro

Espírito natalino21/11/2016 | 07h55Atualizada em 21/11/2016 | 15h03

"Natal vem perdendo força em Caxias há 15 anos", diz historiadora

Loraine Slomp Giron lamenta o empobrecimento de alguns pontos que eram tradicionais no Natal, como a Praça Dante Alighieri

"Natal vem perdendo força em Caxias há 15 anos", diz historiadora Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

Embora o enfraquecimento da decoração natalina em Caxias do Sul pareça mais visível nestes últimos dois ou três anos, há quem lembre de uma cidade toda enfeitada e reluzente somente nos anos 2000. A historiadora Loraine Slomp Giron é uma que lamenta o empobrecimento de alguns pontos que eram tradicionais no Natal, como a Praça Dante Alighieri.

Leia mais
Sem dinheiro, Caxias do Sul parece não ter entrado no clima de Natal
Comércio está retraído nas vendas e na decoração de Natal em Caxias
Serra recebe 56 alunos-bombeiros para curso de formação 
Polícia Civil e IGP recebem reforço de agentes da Força Nacional no RS
Policiamento comunitário é tema de seminário internacional em Caxias

— Não acho que o empobrecimento seja tão ruim, o pior é o mau gosto. A cidade está feia, e uma cidade feia é uma cidade triste. Não dá para, no Natal, não entrarmos em um clima de felicidade. Uma decoração bonita provoca um sentimento bom, mesmo que estejamos preocupados com a crise, com outros problemas — acredita.

Loraine nasceu em Forqueta, mas mudou-se para o Centro aos cinco anos. A professora lembra da Avenida Júlio de Castilhos toda iluminada, da Praça, das casas e do comércio reluzentes. Também se recorda dos concursos que transformavam o visual a cidade, realizados na década de 1990, pontos fortes da programação do Natal Brilha, Caxias. Os moradores que mais embelezassem seus lares eram premiados. A última edição das competições ocorreu em 2013.

— Um concurso de decoração seria uma forma de resgatar o espírito, mas certamente a falta de recursos barra essa ideia atualmente. Infelizmente, o Natal vem perdendo força em Caxias há 15 anos — lamenta Loraine.


 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros