Fiscalização de trânsito da prefeitura de Caxias multa motoristas do Uber - Cidades - Pioneiro

Cerco fechado25/11/2016 | 02h10Atualizada em 25/11/2016 | 17h33

Fiscalização de trânsito da prefeitura de Caxias multa motoristas do Uber

Agentes da Secretaria de Transporte abordaram carros nas imediações da Estação Férrea

Fiscalização de trânsito da prefeitura de Caxias multa motoristas do Uber Cristiane Barcelos/Agência RBS
A operação também aproveitou para fiscalizar as condições e a documentação dos veículos abordados Foto: Cristiane Barcelos / Agência RBS
Pioneiro
Pioneiro

Conforme havia sido prometido pelo secretário municipal de Trânsito, Manoel Marrachinho, a prefeitura iniciou a fiscalização aos veículos que prestam serviço do Uber em Caxias. A ação iniciou por volta de 21h de quinta-feira na região da Estação Férrea, que até sábado sedia o Mississippi Delta Blues Festival. O aplicativo usado para solicitar as corridas está em operação na cidade desde 28 de outubro, mas ainda não está regulamentado.

Leia mais:
Secretaria de Transportes promete multar e guinchar carros do Uber em Caxias a partir desta quinta
Falta de regulamentação cria discórdia entre Uber e taxistas em Caxias
Caxias aguarda posição da Uber para encaminhar projeto de regulamentação
Taxistas discutem ações contra o Uber e ameaçam greve em Caxias
Carros identificados e taxa de R$ 176: o projeto para o Uber em Caxias


Aproveitando o forte movimento esperado durante a festa musical, fiscais da secretaria de Trânsito, Transportes e Mobilidade abordaram carros que deixavam ou recolhiam passageiros nas imediações da Estação Férrea, principalmente na Rua Coronel Flores. Enquanto isso, táxis operaram normalmente, com filas formadas na Dr. Augusto Pestana entre a Feijó Junior e a Coronel Flores. A ação ainda se estendeu a outros pontos da cidade durante intervalos do trabalho na Estação, como os arredores do Pronto-Atendimento 24 Horas (Postão), na Marechal Floriano, e do Hospital Saúde, na Vinte de Setembro.

A operação também aproveitou para fiscalizar as condições e a documentação dos veículos abordados. A ação prometida pela prefeitura havia anunciado guincho, mas até por volta de 1h desta sexta-feira nenhum carro havia sido levado. Nove motoristas que atuam para o Uber foram autuados. A infração, efetuar transporte remunerado de passageiros sem estar licenciado para este fim, prevê multa de R$ 130,16.

O secretário Marrachinho anunciou as blitze na quarta-feira, temendo ser responsabilizado já que o serviço ainda não tem legislação própria. A regulamentação depende de uma proposta de lei, a ser encaminhada pela prefeitura à Câmara de Vereadores. Enquanto isso, o serviço é considerado clandestino. As blitze devem continuar, mas a prefeitura não anuncia locais, dias nem horários previstos.


 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros