Gramadozoo comemora a primeira reprodução de cisnes-do-pescoço-negro do parque - Cidades - Pioneiro

Reino animal07/10/2016 | 16h31Atualizada em 07/10/2016 | 17h05

Gramadozoo comemora a primeira reprodução de cisnes-do-pescoço-negro do parque

Trio de pequenas aves nasceu nesta sexta-feira, após 36 dias de incubação

Gramadozoo comemora a primeira reprodução de cisnes-do-pescoço-negro do parque Halder Ramos/Divulgação
Animais nascem com as penas brancas para melhor se esconderem dos predadores debaixo das asas dos pais Foto: Halder Ramos / Divulgação

A equipe do Gramadozoo comemorou na sexta-feira a primeira reprodução dos cisnes-do-pescoço-negro no parque. Os ovos foram postados na primeira semana de setembro e, após 36 dias de incubação, três pequenas aves nasceram com muita saúde. Os cisnes foram levados para o Gramadozoo em 2008, em uma parceria com o Zoológico de Sapucaia do Sul.

Leia mais
Uber reúne nesta sexta interessados em operar o serviço em Caxias
Como funciona o papel dos pais na hora de negociar o uso do celular com seus filhos
Em Caxias, instituições de ensino superior sentem reflexos da crise econômica

Conforme o veterinário Renan Stadler, responsável técnico do Gramadozoo, a reprodução demonstra a total adaptação ao manejo do zoo. Apesar de não ser uma espécie ameaçada de extinção, o veterinário destaca a importância da reprodução. 

— É fundamental a reprodução em cativeiro para conhecer melhor os hábitos da espécie e criar métodos para conservação das aves de vida livre — destaca Stadler.

No Gramadozoo, as crianças podem aprender mais sobre o cisne-do-pescoço-negro. Os técnicos de educação ambiental explicam aos estudantes que visitam o parque que os filhotes nascem com as penas brancas como forma de camuflagem. Os filhotes passam boa parte do tempo debaixo das asas dos pais.

 — Eles nascem branquinhos para ficarem escondidos de predadores embaixo das asas dos pais. Com o tempo, as penas do pescoço vão escurecendo — explica o veterinário do zoo.


 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros