Alta do rio Caí força remoção de famílias em São Sebastião do Caí e Bom Princípio - Cidades - Pioneiro

Chuva18/10/2016 | 06h31Atualizada em 18/10/2016 | 07h58

Alta do rio Caí força remoção de famílias em São Sebastião do Caí e Bom Princípio

Nível está 10 metros acima do normal

Alta do rio Caí força remoção de famílias em São Sebastião do Caí e Bom Princípio Corpo de Bombeiros/Divulgação
Pelo menos 50 famílias tiveram de sair de casa e outras podem ser retiradas nesta terça-feira Foto: Corpo de Bombeiros / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

A rápida elevação do rio Caí, em Bom Princípio e em São Sebastião do Caí, já forçou a remoção de pelo menos 50 famílias. O rio está cerca de 10 metros acima do nível normal. Nas duas cidades, bombeiros e Defesa Civil devem fazer novo levantamento na manhã desta terça-feira, mas é provável que mais pessoas sejam retiradas de casa porque a chuva continua e o nível segue subindo.

Leia mais:
Chuva derruba barreiras, isola casas e arrasta animais no distrito de Vila Cristina, em Caxias
Granizo danifica 300 casas em Nova Bassano, na Serra 
Forte chuva causa estragos em cidades da Serra Gaúcha
Quatro pontos da BR-116 estão bloqueados em função da chuva na Serra

Em Bom Princípio, a última medição apontou que a água se aproximava de 14 metros de altura. Segundo o subcomandante da Associação Corpo de Bombeiros Voluntários da cidade, Rafael Klein, o rio começou a transbordar quando a medida alcançou 10,4 metros. Em São Sebastião do Caí, às 6h desta terça-feira a altura já chegava a 14,09 metros, segundo a Defesa Civil.

Em São Sebastião do Caí, o trabalho dos bombeiros foi interrompido por volta de 3h desta terça. Cerca de 45 famílias foram alojadas no Parque Centenário, retiradas principalmente do bairro Navegantes — o bairro Vila Rica também é atingido. Medição do Corpo de Bombeiros Voluntários de São Sebastião do Caí aponta 201,6 milímetros de chuva em apenas 24 horas.

Em Bom Princípio, seis famílias dos bairros Bom Fim e Bela Vista foram levadas para casas de parentes. Além desses dois bairros, as áreas mais afetadas são Passo Salseiro, Passo Selbach e Santa Lúcia.


 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros