Misses brasileiras lamentam a morte de Fabiane Niclotti, Miss Brasil 2004, em Gramado - Cidades - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Luto29/06/2016 | 17h58Atualizada em 29/06/2016 | 19h17

Misses brasileiras lamentam a morte de Fabiane Niclotti, Miss Brasil 2004, em Gramado

Ela foi encontrada morta por um familiar em casa

Misses brasileiras lamentam a morte de Fabiane Niclotti, Miss Brasil 2004, em Gramado Jefferson Botega/Agencia RBS
Miss Brasil em 2004 foi encontrada morta por um familiar em casa Foto: Jefferson Botega / Agencia RBS

Fabiane Niclotti, eleita Miss Brasil em 2004, foi encontrada morta por um familiar em casa onde a modelo morava em Gramado, na noite de terça-feira. A revista Donna conversou com ex-misses do Rio Grande do Sul e do Brasil sobre a amizade delas com Fabiane. As entrevistadas, quase todas integrantes de um grupo de WhatsApp que reúne dezenas de vencedoras de edições passadas, lamentaram a perda.

Leia mais
"Perdemos uma menina espetacular", diz prefeito de Gramado
"Em nenhum momento ela se mostrava ansiosa ou depressiva", diz missólogo

¿Fui jurada da Fabiane quando ela foi eleita Miss RS e, quando ela ganhou o Miss Brasil foi bem quando fez 50 anos do concurso. A Band fez uma homenagem, então estávamos todas lá. Ela era muito bonita, simpática, carismática, viajou bastante pelo Brasil e foi ao Miss Universo. Como cada uma mora num lugar, a gente perde um pouco do contato físico com as meninas, mas cada uma leva sua vida do jeito que tem que ser, estuda, busca outra profissão. A Fabi voltou para Gramado e trabalhou inclusive na Secretaria de Turismo. A última vez em que estivemos juntas foi no Miss RS do ano passado. Era mais quieta, reservada, na dela, acho que era o jeito dela. Ela chegava, conversava e não era de se expandir e ir falando as coisas, mas a gente tem que respeitar o jeito das pessoas.¿
DEISE NUNES, Miss Brasil 1986

¿Eu não era amiga íntima da Fabiane, mas tivemos mais contato porque ela venceu o concurso em 2004 e eu em 2006, pedi muitas dicas e ela sempre foi muito acessível. Eu me inspirava sempre muito nela para os concursos, sempre muito querida. A gente acabou perdendo contato porque eu fiquei em Porto Alegre e ela em Gramado, mas nos encontrávamos em eventos sociais. Tinha uma grande relação de carinho. Era uma pessoa muito alegre e feliz nestes contatos.¿
RAFAELA ZANELLA, Miss RS 2006 e Miss Brasil 2006 

¿É bem delicado falar deste assunto, mas acho necessário. Muita gente ainda acha que depressão é bobagem ou frescura, é uma doença muito negligenciada e pode afetar qualquer pessoa. A Fabiane eu conheço pelo título que a gente divide, nunca tive intimidade com ela, mas tivemos muitas amigas em comum, inclusive ela que apresentou o meu Miss RS (em 2011). É uma triste notícia.¿
PRISCILA MACHADO, Miss Brasil 2011 e 3ª colocada do Miss Universo 2011 

¿A Fabiane era um exemplo de Miss, sempre radiante. Foi um grande choque esta notícia. Temos um grupo de WhatsApp e algumas de nós sabíamos que ela tinha algumas ocorrências de depressão, mas a gente nunca imagina que vai chegar a esse ponto. Ela estava prestes a se formar em Direito no fim do ano. Na vida, a gente tem momentos de picos, altos e baixos, ser Miss Brasil é um dos picos. Às vezes é difícil de lidar com isso.¿
GABRIELA MARKUS, Miss Rio Grande do Sul 2012 e Miss Brasil 2012 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros