A nova pintura do Clube Juvenil em 1990 - Cidades - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Memória31/05/2016 | 06h02Atualizada em 31/05/2016 | 11h58

A nova pintura do Clube Juvenil em 1990

Há 26 anos, prédio recebia a tonalidade rosa, como forma de homenagear o Teatro Amazonas, de Manaus, e ressaltar sua rica arquitetura

A nova pintura do Clube Juvenil em 1990 Antonio Galvão/Agência RBS,24/09/1990
Clube Juvenil recém-pintado em setembro de 1990 Foto: Antonio Galvão / Agência RBS,24/09/1990

A comemoração dos 111 anos do Clube Juvenil, com um baile no próximo dia 25 de junho, serve para recordamos um fato que marcou a história da entidade: a pintura externa da sede social em tons de rosa, em homenagem ao Teatro Amazonas de Manaus, em 1990. A iniciativa teve bastante repercussão à época, e a pintura nessa tonalidade se mantém até hoje.

Em entrevista ao Pioneiro em 24 de setembro de 1990, no caderno Sete Dias, Flávio José Aguzzoli, então presidente do clube juntamente com a esposa Leonor Aguzzoli, explicou que a ideia foi concretizada a fim de evidenciar a história da entidade caxiense. Como os dois prédios são de estilo arquitetônico neoclássico, decidiu-se homenagear o espaço cultural amazonense.

Clube Juvenil, 110 anos depois

A intenção da mudança de cor (que anteriormente era bege claro) foi ressaltar as reentrâncias, balcões, frisos, balaústres e colunas do prédio, visto que a antiga pintura estava deteriorada e não valorizava os detalhes arquitetônicos do clube. A partir de vários contatos com os responsáveis pela preservação do Teatro Amazonas, foi possível estabelecer com exatidão os tons das tintas.

Um passeio pelos salões do Clube Juvenil

Aguzzoli recorda que o arquiteto da casa de espetáculos amazonense enviou uma lata de tinta que, posteriormente, foi enviada a Porto Alegre para ser replicada. Como lembrança, o ex-presidente guarda até hoje uma folha A4 pintada com a tinta vinda de Manaus.

Teatro Amazonas de Manaus Foto: Acervo pessoal de Flávio José Aguzzoli / divulgação

— Foi muito bonito o retorno que tivemos dos associados e da comunidade. As pessoas elogiaram bastante — revela Aguzzoli, cuja gestão foi responsável pela criação do Departamento de Pesquisa e Acervo Histórico do clube.

Há 26 anos

A pintura iniciou-se nos primeiros dias de agosto de 1990, com a assessoria do arquiteto Ângelo Guizzo Neto, e foi finalizada no mesmo mês, segundo a reportagem do Pioneiro. Os gastos gerais ficaram em torno de Cr$ 700 mil. A tinta escolhida, à época, era 100% acrílica, com uma durabilidade de cinco anos. 

Matéria especial do caderno Sete Dias de 24 de setembro de 1990 com a entrevista de Aguzzoli. Foto: Centro de Memória da Câmara de Vereadores de Caxias do Sul / Reprodução

Tinta com sangue de boi

Flávio Aguzzoli recorda que a ideia de homenagear o Teatro Amazonas surgiu por acaso. Enquanto esperava para cortar o cabelo, começou a folhear uma revista e encontrou uma matéria sobre a construção da casa de espetáculos, fundada em 1896.

Escolha da rainha do Clube Juvenil em 1959

Em um dos trechos da reportagem, segundo Aguzzoli, sugeria-se que a cor do teatro havia sido criada a partir da mistura de cal com sangue de boi, resultando em um tom de rosa bastante usado no período imperial. Se realmente a cor era resultado da mistura com o sangue do mamífero, não há respostas concretas; mas, de fato, a matéria da revista motivou a homenagem do Clube Juvenil ao Teatro Amazonas.

Clube Aliança, uma tradição de Bento Gonçalves

Desde 1905

O Clube Juvenil foi fundado em 19 de junho de 1905 por Américo Ribeiro Mendes, Carlos Giesen, Ettore Pezzi, Humberto Jaconi, Luiz Amoretti, Dante Panarari, Vitorio Rossi, Romano Rossi, Antonio Guelfi, Henrique Moro e Archimino Selistre Campos.

A relação com o rosa já esboçava os seus primeiros indícios no início da trajetória do clube: em 31 de dezembro de 1905 foi realizado o primeiro baile de gala, denominado Baile Rosa. Conta-se que a festa foi chamada assim pela cor da decoração do salão e também porque a maioria dos convidados vestiu-se com trajes em rosa.

Um registro da construção do clube em 1927. Foto: acervo do Arquivo Histórico João Spadari Adami / divulgação

Programe-se

O baile que marca os 111 anos do Clube Juvenil ocorre dia 25 de junho. Além do jantar, haverá também a troca da rainha. Mais informações pelo telefone 3221.5225.

*Com a colaboração de Alana Fernandes.

Confira outras publicações da coluna Memória

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros