Imagem de ponte submersa que circula nas redes sociais não é do Rio das Antas em Bento Gonçalves - Cidades - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Cheia30/06/2014 | 18h51

Imagem de ponte submersa que circula nas redes sociais não é do Rio das Antas em Bento Gonçalves

A foto original e o vídeo são de autoria do paranaense Marcos Dezingrini

Imagem de ponte submersa que circula nas redes sociais não é do Rio das Antas em Bento Gonçalves Reprodução Facebook/
A foto original e o vídeo de autoria do paranaense Marcos Dezingrini, de Cantagalo, mostra a estrutura submersa e com um caminhão atravessando a rodovia pela ponte Foto: Reprodução Facebook

Ao contrário do que mostram fotos que estão circulando pelas redes sociais, a Ponte do Rio das Antas, que liga Bento Gonçalves e Veranópolis via RSC-470, não está submersa. Uma imagem da ponte sobre o Rio Cavernoso, que fica em Cantagalo, no Paraná, e com estrutura bastante semelhante dos arcos do Rio das Antas, está confundindo os internautas.

A foto original e o vídeo de autoria do paranaense Marcos Dezingrini, de Cantagalo, mostram a estrutura submersa e com um caminhão atravessando a rodovia pela ponte. A filmagem se aproxima de seis mil compartilhamentos.

— A ponte do Rio das Antas não está submersa. O nível do rio subiu sim, está alto, mas não para chegar nesse nível. Os motoristas precisam se preocupar com os buracos na pista que a chuva ajuda a criar, com quedas de barreira que eventualmente acontecem. Até agora, o trânsito não está bloqueado — tranquiliza o sargento Paulo Ricardo Xavier Souza, do Grupo Rodoviário de Bento Gonçalves.

Se a famosa Ponte do Rio das Antas de Bento Gonçalves não está submersa, uma ponte que leva o mesmo nome e fica em Cotiporã está interditada desde a quinta-feira. O nível da água alcançou a estrutura e oferece riscos a motoristas e pedestres. A estrada vicinal é a principal ligação entre o município e Bento Gonçalves.





No domingo pela manhã, o nível da água subiu e a estrutura desapareceu, atraindo dezenas de curiosos. O bloqueio da ponte é recorrente na região em dias de chuvas mais fortes.

Há cerca de um mês, o nível da água subiu novamente e assustou os moradores próximos. Quando o rio volta a baixar, a prefeitura precisa reconstruir as cabeceiras.

PIONEIRO.COM

Notícias Relacionadas

Cheia 29/06/2014 | 19h17

Ponte sobre o Rio das Antas fica completamente submersa, entre Cotiporã e Bento Gonçalves

Dezenas de curiosos compareceram ao local e registraram o cenário

Chuvarada 27/06/2014 | 16h20

Nível do Rio das Antas sobe e ponte que liga Bento a Cotiporã está interditada

Desvio precisa ser feito por Veranópolis e leva cerca de 1h30min

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros