"Nós deixamos de conquistar dois pontos", diz técnico do Juventude após empate com Figueirense - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Série B25/10/2020 | 21h09Atualizada em 25/10/2020 | 21h09

"Nós deixamos de conquistar dois pontos", diz técnico do Juventude após empate com Figueirense

Equipe alviverde vencia, mas deixou escapar a vitória no segundo tempo

"Nós deixamos de conquistar dois pontos", diz técnico do Juventude após empate com Figueirense Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O Juventude está de volta ao G-4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Mesmo não vencendo o Figueirense, o time alviverde conseguiu essa condição. No entanto, o empate fora de casa em 1 a 1 deixou um gosto amargo para o técnico Pintado. O Ju vencia os catarinenses, mas após a expulsão do atacante Dalberto, sofreu o empate na segunda etapa. 

Leia Mais
Juventude empata com o Figueirense em Santa Catarina e retorna ao G-4

—Sim, é verdade. Voltar ao G-4 é muito importante, era o nosso objetivo. Terminar o turno dentro do G-4 será importante e vamos em busca disso. Os objetivos temos que ir alcançamos. Dentro do que foi o jogo, nós deixamos de conquistar dois pontos. Vamos tentar no segundo turno permanecer no G-4, que é o mais importante — disse o técnico Pintado, após o jogo. 

Para o treinador alviverde, durante o jogo, o Juventude tem mais oportunidades de chegar ao segundo gol do que o Figueirense de empatar. Por isso, ele não entende com um resultado justo.  Assim, o empate não é considerado bom para a equipe alviverde.

— Não foi justo. Nós tivemos mais oportunidades para finalizar e não fomos felizes. Depois que você perde um homem (expulsão Dalberto), a dificuldade aumenta. Não podemos deixar escapar pontos como esses. São quase que decisivos. Hoje, estamos no G-4, mas temos que ser mais competitivos no próximo jogo para permanecermos — comentou Pintado.

O Juventude começou a partida com sete mudanças em relação à vitória contra o Avaí. Pelo menos quatro titulares foram preservados. O zagueiro Nery Bareiro nem viajou. Já o lateral-esquerdo Eltinho, o meia Renato Cajá e o atacante Dalberto começaram no banco. Mesmo assim, o técnico Pintado não admite prioridade da Copa do Brasil, já que o Ju enfrenta o Grêmio na próxima quinta-feira (29).

— Eu não quis poupar. Eu quis dar oportunidade para todo o grupo e a resposta foi muito positiva. Nós temos um grupo muito forte — finalizou. 

Leia Também
Um homem morre e outro fica ferido após ataque a tiros em casa no bairro Cruzeiro, em Caxias do Sul


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros