"O jogo foi bom, mas o resultado poderia ser melhor", diz vice de futebol do Juventude  - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Série14/09/2020 | 22h47Atualizada em 14/09/2020 | 22h47

 "O jogo foi bom, mas o resultado poderia ser melhor", diz vice de futebol do Juventude 

Dirigente analisou o empate em 1 a 1 contra o Vitória

 "O jogo foi bom, mas o resultado poderia ser melhor", diz vice de futebol do Juventude  Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O Juventude ficou no empate em 1 a 1 contra o Vitória nesta segunda-feira (14), no Estádio Alfredo Jaconi. O desempenho foi melhor que em outras partidas, principalmente com a criação de mais oportunidades ofensivas. No entanto, não foi o suficiente para conseguir os três pontos. Agora, o Ju soma 16 em 10 rodadas. 

Leia Mais
Juventude sai na frente, mas cede empate ao Vitória e desperdiça chance de retornar ao G-4
Juventude define técnico da equipe sub-23 e ideias do projeto para o Brasileiro de Aspirantes

— O jogo foi bom, mas o resultado poderia ser melhor. Fizemos um bom primeiro tempo. Criamos bastante e faltou o detalhe. No segundo tempo, tivemos mais oportunidades. Fica um gosto amargo pelo que produzimos. Não diria pontos perdidos, porque tem muitas equipes iguais — disse Osvaldo Pioner, vice-presidente de futebol do Juventude.

O time alviverde esteve próximo de vencer. Uma das chances e, talvez, a mais clara foi do atacante Gabriel Novaes aos 44 do segundo tempo. O jogador recebeu de frente para o gol, com o goleiro caído, mas chutou para fora. Oportunidade clara, mas desperdiçada pela equipe do técnico Pintado.

—  Esse é um menino que trouxemos. Ele é jovem, precisamos ter paciência com ele. Eu conversei com ele antes do jogo. Ele ainda vai acertar e nos dar muitas alegrias — analisou Pioner. 

Agora, o foco alviverde muda. Os dois próximos jogos serão pela Copa do Brasil. Na quinta-feira (17), às 16h, no Jaconi contra o CRB. O segundo duelo será na terça (22), às 19h, em Alagoas. Os erros contra o Vitória não podem ser repetidos, pois a classificação vale R$ 2,6 milhões.

— A gente não pode perder muitas chances. Criamos bastante. O Pintado conseguiu fazer o time ser mais agressivo. Vamos corrigir e conversar para o jogo pela Copa do Brasil — finalizou o dirigente. 

Leia Também
Sandra Cecília Peradelles: amar e mudar as coisas
Serra Gaúcha permanece na bandeira laranja por mais uma semana

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros