Com a marca do camisa 9, Caxias vence o Tubarão no Estádio Centenário - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Série D27/09/2020 | 17h03Atualizada em 27/09/2020 | 17h04

Com a marca do camisa 9, Caxias vence o Tubarão no Estádio Centenário

Na sua estreia como titular, Giovane Gomez foi o destaque no 2 a 1 do time grená

Com a marca do camisa 9, Caxias vence o Tubarão no Estádio Centenário Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

Logo na segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série D, o Caxias apresentou seu homem-gol para buscar o acesso à Terceira Divisão. Na tarde deste domingo (27), no Estádio Centenário, a equipe grená venceu o Tubarão por 2 a 1, com dois gols do centroavante Giovane Gomez. Foi o primeiro jogo grená em casa na competição e a primeira vez em que o artilheiro começou entre os titulares do técnico Rafael Lacerda - que cumpriu o último jogo da suspensão e fica à beira do campo. 

Foi uma amostra de que a metralhadora do camisa 9 quer fazer história com a camisa do Caxias. O time grená chegou a seis pontos, assumiu a liderança do Grupo A-8 e volta a campo na próxima quinta-feira, às 15h, contra o Pelotas, na Boca do Lobo.

Leia Mais
Centroavante do Caxias projeta primeiro jogo como titular
Histórias de torcedor: um grená apaixonado por incentivo do cunhado

Domínio grená

O primeiro tempo no Centenário foi de apenas uma equipe. O Caxias dominou e teve as melhores oportunidades do começo da partida. Logo aos quatro minutos, Eduardo Diniz cobrou escanteio curto para Ivan e se apresentou para receber de volta. O lateral-esquerdo invadiu a área e mandou chute perigoso, à direita do gol de Guilherme Boer.

O domínio grená seguiu, mas as oportunidades claras nem tanto. Quando veio uma, o zero saiu do placar, aos 16. Juliano recuperou a bola no campo de ataque e tocou para Diogo Oliveira, aberto pela direita, que deu o passe para Bruninho. O desvio da marcação do Tubarão só serviu para acalmar a bola para o atacante grená, que cruzou para o meio da área e o centroavante Giovane Gomez, se atirou em direção da bola e deu o carrinho para mandar para o fundo da rede: 1 a 0 Caxias.

A tentativa de ampliar o placar ainda nos 45 minutos iniciais se intensificou. Aos 30, Giovane Gomez se armava para fazer de cabeça o segundo, aproveitando o cruzamento perfeito de Ivan. Porém, o lateral Ramires antecipou, cortou a bola e acabou chocando de cabeça com o centroavante grená. Os dois atletas, após rápido atendimento médico, retornaram para o jogo.

Na última oportunidade do primeiro tempo, aos 39, cobrança de falta de Ivan com muita qualidade, mas a bola explodiu na trave esquerda de Guilherme. Pouco tempo depois, o lateral grená sentiu o posterior da coxa e acabou substituído antes mesmo do intervalo. O 1 a 0 ficou pouco pelo domínio do Caxias.

O segundo tempo veio com a mesma imposição grená. Aos seis minutos, Bruno Ré aproveitou boa troca de passes, foi ao fundo e cruzou rasteiro para o meio da área. Diogo Oliveira tentou finalizar com força e acabou mandando por cima do gol do Tubarão. 

A consolidação da vitória veio aos 17. Novamente com o camisa 9. Eduardo Diniz cobrou escanteio da direita e Giovane Gomez subiu sozinho, da pequena área, para cabecear com força para o gol: 2 a 0 Caxias com a marca de seu centroavante.

A equipe do Tubarão tentava, de alguma maneira, chegar ao ataque. Assim, aos 28, Juliano tocou com a mão na bola e o árbitro da partida marcou pênalti para a equipe catarinense. Na cobrança, Alex Nemetz deslocou Pitol e descontou para 2 a 1 a partida.

Os visitantes ainda se animaram em duas vezes. Aos 37, com Vico, que arriscou de longe para fora, e aos 41, quando Alex Nemetz cobrou falta para a área e obrigou Pitol a salvar de qualquer jeito o que seria o empate. Nos acréscimos, Campanholo, que perdeu a titularidade para Giovane Gomez, recebeu na grande área com espaço, mas carimbou a marcação e perdeu a chance de ampliam o marcador.

Ainda assim, a estreia grená em casa foi de vitória e garantia de liderança do único time que venceu as duas partidas no grupo A-8 da Série D.

Ficha técnica

Caxias 2x1 Tubarão
Campeonato Brasileiro da Série D

CAXIAS: Marcelo Pitol, Ivan (Bruno Ré, 43/1º), Maílson, Thiago Sales e Eduardo Diniz; Juliano e Carlos Alberto; Bruninho, Diogo Oliveira (Tontini, 36/2º) e Claudinho (Matheusinho, 25/2º); Giovane Gomez (Marcelo Campanholo, 36/2º). Técnico: Jeferson Ribeiro

TUBARÃO: Guilherme Boer, Ramires, Gutierrez, Vinícius Kuerten e Edi  (Anderson, int.); Eduardo Meuer (VIco, 27/2º), Zé Augusto e Alex Nemetz; Regis (Aslen, int.), Gleydson (Matheus Mazia, 27/2º) e Kendy.Técnico: Isaque Pereira

Gols: Giovane Gomez (C), aos 16min do primeiro tempo. Giovane Gomez (C), aos 17min, e Alex Nemetz (T), aos 29min, de pênalti, no segundo.
Árbitro: Rafael Salgueiro Lima (AL), auxiliado por Mateus Olivério Rocha e Maíra Moreira (ambos do RS).
Amarelos: Claudinho, Bruno Ré, Eduardo Diniz (C),  Zé Augusto (T).
Local: Estádio Centenário, Caxias do Sul.

Leia Também
Renova ou não joga: saiba o que disse o presidente do Juventude sobre o lateral Igor

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros