Formado no Grêmio, meia do Caxias projeta decisão do Gauchão contra ex-clube - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Lei do ex?14/08/2020 | 17h54Atualizada em 14/08/2020 | 17h54

Formado no Grêmio, meia do Caxias projeta decisão do Gauchão contra ex-clube

Felipe Tontini irá reencontrar equipe que o criou para o futebol na final do Estadual

Formado no Grêmio, meia do Caxias projeta decisão do Gauchão contra ex-clube Antonio Valiente/Agencia RBS
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

O Caxias segue sua preparação para a decisão do Campeonato Gaúcho. No dia 26, o primeiro jogo é no Estádio Centenário. No dia 30, a segunda partida na Arena, em Porto Alegre. Os treinos continuam e a expectativa aumenta a cada dia que a final se aproxima. O clube poderá confirmar o seu segundo título na história do Gauchão e o segundo na temporada, já que venceu o primeiro turno, a Taça Ewaldo Poeta. 

Leia Mais
Caxias divulga resultados de nova testagem para covid-19

— A gente está com a adrenalina a mil. Estamos felizes de chegar neste momento da competição disputando o título. A expectativa é muito grande e estamos ansiosos. O Caxias tem que fazer o que fez durante toda a competição — disse o meia Felipe Tontini.

O jogador é oriundo das categorias de base do Grêmio. Até fevereiro, tinha contrato com o clube porto-alegrense, mas rescindiu e acertou com o Caxias. Agora, na decisão irá reencontrar a equipe que o abriu as portas do futebol. 

— É um clube que passei oito ou nove anos da minha carreira. Tenho um carinho grande. É um clube gigante do futebol mundial. Com certeza, eles estão preparados para a final, fico feliz e espero vencê-los. É uma sensação muito legal, saber que passei muito tempo na carreira lá e agora disputando o título contra eles — disse Tontini.

Para a decisão contra o Grêmio, o Caxias não terá alguns jogadores. O centroavante Gilmar ,que está em recuperação no departamento médico, o atacante Tilica, negociado com o futebol grego, e o volante Jean Carlos, que não teve o contrato renovado.

— São jogadores importantes e fazem falta. Foram atletas importantes durante a competição, mas temos jogadores qualificados que darão conta do recado — finalizou Tontini.

Leia Também
Entenda como créditos tributários evitaram que companhias da Serra tivessem prejuízo em semestre com pandemia

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros