Conheça os jovens da base do Juventude que estão próximos do São Paulo - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Parceria12/08/2020 | 17h58Atualizada em 12/08/2020 | 18h27

Conheça os jovens da base do Juventude que estão próximos do São Paulo

Dois atletas estão no radar da equipe paulista e negócio deve ser confirmado 

Conheça os jovens da base do Juventude que estão próximos do São Paulo Gabriel Tadiotto/EC Juventude
Volante Matheus Galo (E) e meia Rafael Rech, o Rafinha Foto: Gabriel Tadiotto / EC Juventude

O acerto do Juventude para conseguir o empréstimo do centroavante Gabriel Novaes com o São Paulo envolve dois jovens das categorias de base do clube. São eles: o meia Rafael Rech, o Rafinha, de 17 anos, mas que está na equipe sub-20, e o volante Matheus Galo, 16 anos, do time sub-17. 

Leia Mais
Do Juventude à seleção sub-17: conheça o goleiro que começou como zagueiro
Conheça os jovens do Juventude que podem ser fonte de receita para o clube

Os dois devem ser emprestados ao Tricolor Paulista com valor de compra de 50% do passe estipulados, até o final da Copa São Paulo do próximo ano. A negociação está em fase final e deve ser confirmada nos próximos dias.

— Nós citamos três ou quatro atletas e o São Paulo falou muito no Rafael e no Matheus. Eles estão pedindo prioridades desses. Só para o torcedores entender, nós estamos emprestando os atletas com o passe estipulado, não estamos dando nada, nenhum centavo nenhum percentual. A intenção é colocá-los na Taça São Paulo. Se eles se adaptarem e ter o crescimento, eles podem adquirir 50% com um valor interessante. Nós estamos fazendo um negócio futuro  — disse o vice-presidente de futebol alviverde, Osvaldo Pioner.  

Rafael, o Rafinha, é filho do ex-atacante do Juventude Fernando Rech. O meio-campista é condutor de bola e tem boa chegada na área para finalizar. Mesmo com 17 anos (faz 18 em novembro), disputou a Copa São Paulo deste ano na equipe sub-20, que foi eliminada para o Corinthians, por 3 a 1, na terceira fase do principal torneio de base do Brasil.  

- O Rafinha ele tem uma característica de ser um jogador extramente técnico e tem uma boa finalização, um bom controle de bola e chama atenção neste um contra um ofensivo com grande qualidade técnica. Ele tem bastante reservar para evoluir e potencializar. É uma pessoa de trabalho e no dia a dia - disse Lucas Zanella, que treinou Rafinha na base alviverde.

Já Matheus Galo é um volante de força e vigor físico. Com bom passe e saída de bola, também pode atuar como meia. Mesmo sendo mais novo, esteve no grupo que foi para a Copa Santiago no início do ano e conquistou o vice-campeonato, perdendo na final para o Palmeiras. Ele chegou ao Juventude em 2018.

- É um jogador de muita qualidade. É um volante, um meia, com boa bola parada e batedor de faltas. É um jogador com perfil de muito trabalho e de grupo. Tecnicamente e taticamente evoluiu muito desde que chegou ao clube. Tem um perfil muito competitivo. Trabalhei com ele praticamente três anos - disse o técnico Roberto Maschio, da base do Juventude.

Leia Também
Polícia Civil prende suspeitos de assassinato dentro de boate em Caxias do Sul




 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros