Intervalo: as incertezas na Série D e as poucas chances de retorno do Gauchão - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião03/07/2020 | 21h35Atualizada em 03/07/2020 | 21h35

Intervalo: as incertezas na Série D e as poucas chances de retorno do Gauchão

Competição nacional pode ter menos times que o programado

Intervalo: as incertezas na Série D e as poucas chances de retorno do Gauchão Antonio Valiente/Agencia RBS
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

Enquanto os clubes das Séries A e B do Brasileirão se planejam para o início das competições no início de agosto, as equipes das Séries C e D vivem de incertezas.

Leia mais
Treinar em Santa Catarina pode ser alternativa para clubes de Caxias, mas não é tendência

A quarta divisão nacional, onde o Caxias está, pode ter o começo no final de agosto ou início de setembro. No entanto, algumas equipes classificadas para a edição de 2020 já pediram para a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) para não participarem da competição nesse ano sem que ocorram punições.

O principal argumento dessas equipes está na dificuldade financeira que já ocorreria de toda a forma, por conta dos meses parados, e dos jogos com portões fechados, uma situação que faria a arrecadação de muitas equipes despencar. 

E agora?

A nova rodada preliminar do modelo de distanciamento controlado do Rio Grande do Sul colocou todas as cidades onde há clubes na elite do futebol gaúcho na bandeira vermelha, que impede o retorno dos treinamentos coletivos nos times profissionais.

Apenas a bandeira amarela daria essa condição. Com isso, e a perspectiva de que as próximas semanas serão ainda mais severas na trasmissão do coronavírus no Rio Grande do Sul, a possibilidade de um retorno do Estadual parece cada dia mais distante.

Leia também
Os reflexos da pandemia e da estiagem para o agronegócio em Caxias do Sul

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros