Goleiro do Juventude diz que time precisa da regularidade de 2019 na Série B deste ano - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Pelo acesso31/07/2020 | 17h48Atualizada em 31/07/2020 | 17h48

Goleiro do Juventude diz que time precisa da regularidade de 2019 na Série B deste ano

Marcelo Carné avaliou competição que se inicia no dia 8 de agosto

Goleiro do Juventude diz que time precisa da regularidade de 2019 na Série B deste ano Porthus Junior/Agencia RBS
Marcelo Carné fez parte do grupo que conquistou o acesso para a Série B em 2019 Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O Juventude terá pouco tempo para lamentar a eliminação no Campeonato Gaúcho. Menos de uma semana e meia depois da derrota para o Esportivo, no Estádio Alfredo Jaconi, a equipe alviverde terá no dia 8 de agosto, sábado, a estreia na Série B do Campeonato Brasileiro contra o CRB, também em casa.

Leia Mais
Mesmo com dificuldade financeira, Juventude não desiste da "cereja do bolo"

Até por isso, esse período sem jogos será uma oportunidade do técnico Pintado fazer os ajustes no time após os três jogos da reta final do Gauchão. Após as experiências no Estadual, o foco é no início do Nacional.

— Em questão de ajuste, é um período precioso, até porque no decorrer do ano não vamos ter muito mais tempo. A maioria das semanas será com jogos no meio e no fim de semana. Então todo o tempo que a gente tiver nesse processo, tem que aproveitar da melhor maneira possível — afirmou o goleiro Marcelo Carné, sem esconder que o objetivo do grupo era passar de fase: 

— A gente gostaria de estar classificado no Gaúcho, mas não foi possível. Então agora é aproveitar o tempo para o Pintado fazer os ajustes que ele acha necessário para que a gente possa entrar na Série B. E sabemos que é um campeonato que tem que começar forte, porque se perder muitos pontos no início e que depois não possam ser recuperados.

Um dos remanescentes da temporada 2019, onde o Juventude conseguiu o acesso à Série B, a atitude do time em relação ao campeonato, que se aproxima, tem similaridades que são mais importantes na Segunda Divisão do que eram na Série C:

— São dois campeonatos totalmente diferentes. Na Série C, tem a eliminatória. Mas tem a questão da regularidade e temos que nos espelhar no ano passado. Nos mantivemos no G-4 a competição inteira, praticamente. Mas na Série C, você não precisa ficar no só G-4, precisa se classificar e na eliminatória é outro campeonato. Na Série B é diferente, você tem que manter a regularidade, porque o campeonato só depende daquilo. Tem que ser pensado jogo a jogo, e todas as partidas têm a mesma importância, os mesmos três pontos.

Até por isso e pelos confrontos ocorrerem sem a presença de torcida, o goleiro entende que jogar no Estádio Alfredo Jaconi ou na casa dos adversários interfiram tanto na necessidade do time buscar pontos em todas as partidas.

— Pela questão da pandemia, o jogo em casa e fora não muda tanto. Então o nível de concentração tem que estar sempre alto para estar somando o maior número de pontos para que a gente possa estar sempre na frente. Quando se está brigando em cima no campeonato, a confiança vem, as coisas acontecem e você acaba trazendo a sorte para o seu lado.Tem que se manter em cima do campeonato, porque o objetivo do clube é o acesso — concluiu Carné.

Leia Também
Prefeitura disponibiliza 200 testes para monitorar surto da covid-19 em penitenciária de Caxias do Sul
Prefeitura de Caxias do Sul confirma duas mortes e cidade chega a 53 vítimas da covid-19

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros