Juventude apresenta crescimento no quadro social durante o mês de junho - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Resposta do sócio30/06/2020 | 15h58Atualizada em 30/06/2020 | 15h58

Juventude apresenta crescimento no quadro social durante o mês de junho

A adimplência aumentou e clube teve um incremento de 20% na receita 

Juventude apresenta crescimento no quadro social durante o mês de junho Lucas Amorelli/Agencia RBS
Foto: Lucas Amorelli / Agencia RBS

O Juventude voltou a ter um crescimento no quadro social. A adimplência aumentou. Com isso, o clube teve um incremento de 20% na receita oriunda dos seus sócios. Assim, volta a ter um número de torcedores associados com as mensalidades em dia próximo a antes da pandemia. 

Leia Mais
Caxias e Juventude têm queda de 20% no quadro social durante pandemia
Juventude aposta no quadro social e prepara ações para o mês de aniversário

Antes da paralisação do futebol, o Juventude contabilizava cerca de 5,3 mil sócios. No entanto, até o final de abril, a inadimplência foi de 11%. Já no fim de maio, passou para 22%. Agora, houve um crescimento.

-  Começamos a criar campanhas internas com os sócios no nossos canais do clube. Fizemos uma aproximação. O maior motivo para o torcedor ser sócio é o amor ao clube. Sempre reforçamos isso. Uma vantagem financeira não é o impulsionador da associação, e sim o amor. Em maio, chegamos a 22% de inadimplência, mas nosso normal era 9% - disse Fábio Pizzamiglio, vice-presidente de Marketing do Juventude.

O Juventude, por exemplo, conta os direitos de transmissão da Copa do Brasil como o maior poder de receita durante a temporada, pela possibilidade avançar de fase e aumentar o valor. No entanto, sem o retorno da competição, por enquanto, o quadro social é maior a receita do clube. 

- Por isso, estamos conseguindo manter as contas em dia, pagar salários e fazer contratações. A importância é máxima. Não é um momento que a gente consiga buscar novos patrocinadores dentro da pandemia. Então, o sócio continua sendo a nossa maior receita e quanto mais incrementar conseguimos melhorar o time a estrutura - finalizou  Pizzamiglio.

Leia Também
Proprietários de quadras esportivas estudam encerrar atividades após mais de 100 dias parados em Caxias do Sul


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros